Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Auxílio Brasil: por que não estou recebendo se tenho direito?

Pessoas que se encaixam em todas as regras do Auxílio Brasil querem saber por que ainda não estão recebendo nada

Imagine uma pessoa que está no Cadúnico, está em situação de extrema-pobreza e não tem qualquer outro tipo de ganho de renda fixa. Agora imagine que esse cidadão ainda não está recebendo nada do Auxílio Brasil. Imaginou? Pois agora saiba que tem muita gente que está passando exatamente por essa situação.

O Ministério da Cidadania não divulga quantas pessoas estão passando por isso, porém,  se imagina que não sejam poucas. Nas redes sociais, não faltam relatos de usuários que garantem que seguem todas as regras de entrada no programa, mas mesmo assim não estão recebendo nada do novo projeto social.

Por que isso está acontecendo? De acordo com o Ministro da Cidadania, o Governo Federal começou os pagamentos do Auxílio Brasil ainda no último mês de novembro. Naquele primeiro momento, o Congresso Nacional ainda não tinha aprovado a polêmica PEC dos Precatórios, limitando a possibilidade de ampliação do projeto.

Por isso, eles não conseguiram inserir mais ninguém além dos que já recebiam o Bolsa Família normalmente. A mesma lógica se repetiu agora em dezembro. A promulgação da PEC só aconteceu um dia antes do início do segundo repasse, eliminando também  qualquer possibilidade de aumentar o tamanho do projeto.

Portanto, esse é o motivo pelo qual existem muitas pessoas que se encaixam em todas as regras de recebimento do benefício e mesmo assim não estão recebendo nada. A ideia do Governo Federal é inserir esses indivíduos de modo mais breve possível, para que elas tenham acesso ao dinheiro do programa assim como qualquer outro usuário do Auxílio Brasil.

Quando os novatos irão entrar?

De acordo com informações do próprio Ministério da Cidadania, cerca de 2,4 milhões de brasileiros ainda poderão entrar no benefício de uma só vez. E, ao que diz o Ministro da Cidadania, João Roma, isso deve acontecer ainda neste ano.

Só que entrar no programa não significa dizer que essas pessoas irão ganhar esse dinheiro imediatamente. Pelo que se sabe até aqui, mesmo que o Ministério coloque esses cidadãos este ano, elas só deverão receber a partir do próximo.

Quais são as regras de entrada do Auxílio Brasil?

Para entrar no Auxílio Brasil é preciso seguir as mesmas regras que eram exigidas para entrada no Bolsa Família. Nada mudou nesse sentido. Eles seguem exigindo que a pessoa tenha um cadastro ativo no Cadúnico.

Além disso, é preciso estar dentro dos limites de extrema-pobreza, ou seja, ganhar até R$ 100 por mês de maneira per capita. Pessoas em situação de pobreza, que são aquelas que recebem até R$ 200 de maneira per capita, também podem receber desde que morem com uma gestante ou pelo menos um indivíduo com menos de 21 anos.

O que eu posso fazer para ter mais chances?

Não há muito o que se fazer para aumentar as chances de entrar no Auxílio Brasil em janeiro. Isso porque o Governo Federal não vai abrir novas inscrições para quem quiser entrar no benefício em questão.

Eles irão apenas analisar a situação do Cadúnico de cada um. Nesse sentido, é muito importante prestar atenção na atualização desses dados. Qualquer inconsistência neles pode fazer você acabar perdendo o benefício.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.