Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Planejamento Financeiro – Novos Hábitos e Metas

É muito importante que você direcione novos hábitos dentro do seu planejamento financeiro pessoal e alcance metas em longo prazo.

O planejamento financeiro pessoal e a sua demanda atual

O planejamento financeiro pessoal pode ser um ponto primordial para que você direcione seus planos e metas, além de atender a sua demanda atual.

Sendo assim, para que você direcione o seu planejamento financeiro pessoal é importante que você faça um mapeamento no que diz respeito à sua situação atual.

Esse mapeamento ocorre através da análise de seus custos. Por isso, é importante que você separe seus custos entre fixos e variáveis.

 Separe seus custos entre fixos e variáveis

 Os seus custos fixos são os valores referentes às suas contas de consumo. Sendo assim, são as suas contas referentes ao consumo de água, energia elétrica, aluguel, supermercado, internet, telefone, dentre outros. Já os demais gastos são seus custos variáveis.

Esse mapeamento é importante também porque pode trazer clareza quanto a suas dívidas, caso você as tenha. Uma vez que é necessário ter os valores atualizados para que você verifique a viabilidade de realizar negociações.

Renegociações limitadas em seu planejamento

O Feirão Serasa Limpa Nome pode te ajudar nessa questão. Haja vista que oferece ao cliente opções de renegociação com descontos de até 90% de desconto.

No entanto, é importante ressaltar que as suas renegociações também devem ser inseridas no seu planejamento financeiro pessoal. Pois, caso você possua muitas dívidas, é importante que você faça acordos de uma parte dessas dívidas e, posteriormente, das demais. Assim, você evita criar um fluxo negativo de endividamento ao tentar pagar suas dívidas.

Mudança de hábitos é primordial 

 Além disso, é possível que verifique em seus hábitos, trocas viáveis no que diz respeito aos seus hábitos. Por exemplo, você pode trocar um cartão de crédito tarifado por um cartão de crédito sem anuidade.

Bem como, você pode realizar o mesmo tipo de troca em relação a sua conta corrente. Haja vista que as fintechs oferecem os dois serviços sem nenhuma tarifa.

Dessa forma, você consegue manter a usabilidade dos produtos bancários e diminuir os seus custos. Sendo assim, você pode direcionar esses valores economizados para a sua poupança.

 Veja a poupança com um hábito

 Todos os valores economizados, por menores que sejam, devem ser direcionados para a poupança. Ao enxergar a poupança como um hábito, você modifica a sua relação com o dinheiro e adquire o hábito de poupar.

Sendo assim, tenha foco em seus novos hábitos, faça trocas inteligentes e sempre que possível, controle seus gastos de rotina. Bem como, separe suas metas pessoais em prazos. Certamente isso fará a diferença na sua relação com o dinheiro com o passar do tempo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.