Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Governo insere mais 106 mil brasileiros no auxílio emergencial

Cerca de 106 mil brasileiros receberam uma grande notícia nesta sexta-feira (25). De acordo com informações do Governo Federal, eles entraram no Auxílio Emergencial e podem começar a receber as parcelas a partir desta sexta-feira (25) em suas contas digitais.

De acordo com o Dataprev, essas pessoas estavam com a situação em processamento e só agora passaram pela aprovação. Segundo informações do órgão, esses brasileiros irão receber toda a quantia que deveriam ter recebido desde de o começo de uma só vez.

Então elas receberão o dinheiro da primeira, da segunda e da terceira parcela em um mesmo pagamento. As datas desses repasses é que irão variar de pessoa para pessoa. De acordo com informações do Dataprev, segue valendo a lógica do mês de aniversário de cada uma delas.

Então quem nasceu entre os meses de janeiro e julho, recebe o dinheiro desse três ciclos nesta sexta-feira (25). Quem faz aniversário entre os meses de agosto e dezembro, precisa esperar até a data de pagamento do seu dia correspondente.

Por exemplo, as pessoas que nasceram em agosto poderão receber de uma só vez as três primeiras parcelas neste sábado (26). É portando o dia dos repasses para os brasileiros informais que nasceram neste mês. Neste caso, eles acompanham o ritmo dos pagamentos dos que estavam recebendo desde o começo.

Para saber se está nessa nova leva de beneficiários, o cidadão só precisa ir ao site oficial da consulta do Auxílio, inserir os dados pessoais e esperar pelo resultado que sai na hora.

Reanálise das contas

Para esses 106.011 brasileiros que passaram pela aprovação, as três primeiras parcelas do benefício estão garantidas. No entanto, eles não sabem se receberão a quarta. Explica-se: é que o Dataprev faz uma reanálise de todas as contas sempre entre os pagamentos dos ciclos.

Então entre o terceiro e o quarto repasse, o Dataprev vai fazer a reanálise para saber se essas pessoas seguem atendendo a uma série de exigências do Governo. Não pode, por exemplo, entrar em um emprego formal ou ter uma renda maior do que a que eles exigem.

No entanto, é bom lembrar que tudo isso se trata de uma regra que vale para todo mundo e não apenas para esses 106 mil que estão entrando agora. Além disso, vale lembrar que a grande maioria das pessoas costuma passar por essas reanálises sem maiores problemas e sem cancelamentos.

Auxílio Emergencial

De acordo com o Ministério da Cidadania, o Auxílio Emergencial está realizando pagamentos de valores que variam entre R$ 150 e R$ 375. Ainda segundo a pasta, são quatro repasses. Então como o projeto começou a fazer as liberações em abril, deve chegar ao fim em julho.

No entanto, essa é a informação que nós estamos agora. E é importante dizer isso porque esse fato pode mudar a qualquer momento. O Presidente Jair Bolsonaro deverá fazer um pronunciamento para confirmar a prorrogação do benefício por mais três meses.

Essas 106 mil pessoas também deverão seguir por essa prorrogação. Então se o Governo esticar o programa até outubro, por exemplo, elas receberão até esta data, desde que passem pelo pente fino do Dataprev ao final de cada um dos pagamentos.

7 Comentários
  1. NAILDE TEIXEIRA Gomes Diz

    Eu queria tanto tira meu auxílio emergencial de Novo pq me ajuda muito. Pq tenho um filho de 10 mês.

  2. Adriana Maria da natividade Diz

    Quero meu oxilio de volta não tó trabalhando To passado por dificuldade só Deus

  3. Nilton da rosa Vieira Diz

    Perdi meu auxílio emergencial pois dizem que tenho vários bens tipo aviões iate navios lanchas gostaria que vocês investigassem minha pessoa isso e uma vergonha sou autônomo desempregado

  4. Maria Helena Francisco Da Silva Diz

    Sou do bolsa família e esse mês fiquei fora do auxílio emergencial,tanto q recebi ano passado até setembro e quando ligo para 111 fala que eu e meus dois filhos não estão no bolsa família,como assim se esse mês recebi o valor normal do bolsa família

  5. Gleyson Montenegro da Silva Diz

    Tô desempregado e governo cortou meu auxílio só e pertence só obeso estou mim virando como posso

  6. Ivone Zanini Dos Santos Diz

    To desempregada e governo cortou meu auxílio emergencial agora como vou pagar minha luz e água vou depender do tempo pra fazer rosada e do craz pra receber sexta básica tá bom pra vc governo

    1. Cinthia Cristina Silva França Diz

      Cortaram o meu auxílio emergencial também , porque apareceu o nome do meu ex marido e do CPF dele. E agora governo ja contestei duas vezes e não é aprovado

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.