Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4/5 - (2 votes)

Bolsonaro confirma salário mínimo de 2022; veja o valor

Cabe salientar que o reajuste não trará ganho real aos trabalhadores, uma vez que será uma atualização correspondente a inflação de 2021.

Nesta quinta-feira (30), o presidente da república, Jair Bolsonaro, afirmou durante uma live que o salário mínimo de 2022 será de R$ 1.212. Para confirmar o novo valor, será publicada uma MP (Medida Provisória) no Diário Oficial da União (DOU).

Veja também: Salário mínimo no Brasil é o segundo menor do continente sul americano; Confira a lista completa

Cabe salientar que o reajuste não trará ganho real aos trabalhadores, uma vez que será uma atualização correspondente a inflação de 2021. Em suma, o aumento será de R$ 112, em comparação com o piso nacional atual, de R$ 1.100.

Durante este ano, o Governo Federal fez três projeções do novo salário mínimo, em agosto, por exemplo, a projeção era de R$ 1.169. No entanto, no dia 21 de dezembro, o texto aprovado pelo Congresso ressalta uma alta, sendo de R$ 1.212, prevendo uma inflação de 10,18%.

Segundo prevê a Constituição, o Governo Federal deve corrigir o valor do salário mínimo, ao menos, conforme a inflação acumulada no ano anterior. Para isto, é utilizado o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Conforme a indicação do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o novo valor do salário mínimo será divulgado de forma oficial no dia 11 de janeiro de 2022. Na live, o presidente disse: “A partir de 1° de janeiro, o novo valor do salário mínimo será de R$ 1.212”.

Devido a ampliação, o governo terá um gasto anual maior. Isso porque, além do próprio reajuste do piso, benefícios como o do INSS e outros programas de cunho federal também serão corrigidos, por considere como base o valor do salário mínimo em vigência.

O Ministério da Economia ressaltar que a cada R$ 1,00 acrescido no valor do salário mínimo, uma despesa de aproximadamente de R$ 365 milhões a mais é gerada.

14º salário do INSS será pago em 2022?

Segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) ainda estão aguardando a liberação do 14º salário. No entanto, a tramitação da proposta deve ser encerrada apenas no próximo ano devido ao atraso no Congresso Nacional.

14º salário pode ser aprovado em 2022

Considerando a demora na movimentação do Projeto de Lei 4367/2020 que trata da liberação do 14º salário, os aposentados e pensionistas do INSS poderão ter acesso ao benefício apenas a partir de 2022.

Isso porque, o texto ainda precisa passar pela Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania para ser definitivamente aprovado na Câmara dos Deputados. Com isso, poderá ser encaminhado ao Senado Federal.

Após o possível parecer favorável por parte dos senadores, a proposta deve seguir para a sanção presidencial. Logo, não há mais tempo hábil para que o benefício seja pago ainda em 2021.

Funcionamento do 14º salário

Caso o projeto seja aprovada, o 14º salário será repassado aos segurados do INSS em 2022 e em 2023. Cabe salientar que os valores para ambas as distribuições são referentes aos anos de 2020 e 2021. Neste caso, os pagamentos ficarão na seguinte forma:

  • 14º salário de 2020 será pago em março de 2022;
  • 14º salário de 2021 será pago em março de 2023.

Outro ponto que ficou definido se refere ao valor do abono extra. Segundo informações, o 14º salário será limitado a dois salários mínimos, sendo assim, os segurados que recebem um benefício superior terão que se contentar com a remuneração inferior.

 

4/5 - (2 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

1 comentário
  1. Maria do Carmo Ribeiro Diz

    pensionista por morte,vai o aumento do salário é o 14 salário mínimo? pois eu estou a 32 anos recebendo por morte.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.