ALERTA GERAL para o novo golpe que está atingindo aposentados do INSS acaba de sair AGORA - Notícias Concursos

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?

ALERTA GERAL para o novo golpe que está atingindo aposentados do INSS acaba de sair AGORA

É preciso ter conhecimento para não ser alvo fácil dos golpistas

Com o constante avanço tecnológico, aposentados, bem como pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) precisam estar vigilantes em relação aos novos golpes. Uma recente onda de fraudes tem direcionado seus ataques a esse público vulnerável.

Estão sendo empregadas táticas cada vez mais elaboradas. Abaixo, apresentaremos o golpe mais recente identificado e forneceremos orientações sobre como proteger-se dessas ameaças.

Como os golpistas agem no novo esquema fraudulento envolvendo o INSS?

Indivíduos mal-intencionados, utilizando identidades falsas, têm entrado em contato com aposentados e pensionistas do INSS. Fazem isso principalmente por meio de ligações telefônicas e envio de correspondências.

Apresentando-se como “representantes” de uma fictícia Secretaria de Finanças do INSS, eles oferecem diferentes serviços. Então, solicitam informações pessoais e bancárias das vítimas. Esse golpe ganhou notoriedade recentemente quando os golpistas começaram a mencionar a nova Lei dos Superendividados a fim de confundir e persuadir suas vítimas.

Os estelionatários agem mais ou menos da seguinte forma: uma pessoa se apresenta como representante da suposta Secretaria Nacional de Finanças, vinculada ao INSS. Então, ela informa que há um empréstimo consignado no nome do aposentado ou pensionista com taxas de juros exorbitantes.

Alega que, de acordo com a nova Lei dos Superendividados, a vítima seria ressarcida pelo valor cobrado excessivamente. No entanto, não existe nenhum empréstimo ativo e a pessoa já possuí acesso aos dados bancários.

Essa é uma ilustração de como os criminosos usam informações falsas e técnicas persuasivas para tentar enganar suas vítimas. Portanto, é fundamental manter-se atento e informado sobre os métodos empregados por esses golpistas.

Como evitar ser vítima do golpe

Esteja ciente que o INSS jamais solicita informações pessoais, como fotos de documentos. Não fazem isso nem por meio de e-mail, WhatsApp ou qualquer outra forma de mensagem.

Ademais, outras ações podem ser tomadas, como:

  • Utilize canais oficiais – Para atualizar documentos, sempre prefira utilizar o aplicativo “Meu INSS” ou o site oficial;
  • Verifique as fontes – Certifique-se de que a mensagem SMS recebida seja realmente do INSS. O número é 280-41 e a Previdência nunca envia os links por aqui;
  • Agende serviços em segurança – Faça agendamentos de serviços ou envio de documentos apenas pelos canais oficiais. Dê preferência ao aplicativo e ao site “Meu INSS” ou às agências da Previdência mediante agendamento;
  • Mantenha dados atualizados – Verifique se seus dados (e-mail, endereço, telefone) estão atualizados dentro do portal do INSS. Você pode atualizá-los através do “Meu INSS” ou ligando para o telefone 135.

Procedimentos na tentativa de golpe

Se suspeitar as tentativas de golpe, contate a Ouvidoria pela internet, bem como pelo telefone 135. Caso tenha sido vítima de um golpe, registre o Boletim de Ocorrência em uma delegacia próxima, informando a instituição citada, como a Previdência, bem como o banco onde recebe seu benefício.

Manter-se informado a respeito das fraudes é essencial

Para se manter sempre à frente de estelionatários, é importante verificar as atualizações sobre novos golpes e fraudes que aparecem no mercado. Recomendamos sempre seguir as orientações de sites oficiais. Proteja-se, mantendo-se muito bem informado!

Dados e informações sobre os golpes do INSS

  • No ano de 2022, foram registradas nos Procons de todo o país um total de 57.874 reclamações referentes a golpes envolvendo empréstimos consignados. Isso significa que mais de seis denúncias foram feitas a cada hora;
  • De acordo com as autoridades policiais, as quadrilhas obtêm informações e documentos pela internet. Elas contam, inclusive, com a colaboração de funcionários do INSS;
  • Grupos em aplicativos de mensagens revelam a existência de um mercado ilegal de documentos, com direito a rankings que mostram quem obtém mais lucro;
  • É possível até mesmo adquirir o chamado “kit fraude”, que inclui identidade e uma selfie da pessoa segurando o documento Isso serve como uma espécie de assinatura eletrônica para contratos de crédito, como empréstimos;
  • Serviços ilegais e criminosos, disponíveis também na internet, oferecem desbloqueio do aplicativo “Meu INSS” para realização de empréstimos, além da troca de senhas;
  • Especialistas recomendam estar sempre atento às movimentações em sua conta como medida de segurança.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.