Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4/5 - (44 votes)

WhatsApp: Veja quais tipos de mensagens não devem ser enviadas

Alguns usuários podem usufruir dos serviços do mensageiro de forma irresponsável, o que pode gerar prejuízos não só para o próprio cidadão, mas também para a sociedade geral.

A plataforma de mensagens mais utilizada pelos brasileiros, o WhatsApp, como qualquer outra empresa possui seus termos e condições de uso. Todavia, alguns usuários podem usufruir dos serviços do mensageiro de forma irresponsável, o que pode gerar prejuízos não só para o próprio cidadão, mas também para a sociedade geral.

Veja também: WhatsApp reforça a privacidade da informação do perfil “visto por último”

Neste sentido, confira a seguir cinco tipos de mensagens que não devem ser enviadas pelo WhatsApp:

  • Envio de fake news: compartilhar mensagens falsas pelo WhatsApp é uma ação que vai contra as diretrizes de uso da empresa, o que pode acarretar no banimento permanente da conta do usuário. Sendo assim, é preciso estar atento a procedência das informações antes de repassá-las a outras pessoas.
  • Envio de links maliciosos: como na ação anterior, encaminhar links desconhecidos pelo WhatsApp pode gerar problemas. Muitas vezes esses links costumam ser uma isca para execução de golpes. Desta forma, antes de compartilhar um link suspeito para algum contato, realize uma busca simples e verifique se a informação é de fato verdadeira.
  • Conteúdos que infrinjam a lei: o envio de conteúdos que não estão a favor da lei também é determinadamente proibido pelo WhatsApp. Dentre as informações estão as mensagens ilícitas, ameaçadoras, assediantes, difamatórias, que de certa forma incitam a violência ou que promovam ofensivas relacionadas a questões étnicas ou raciais.
  • Disparo em massa de mensagens: enviar mensagens em massa também viola o termo de uso do mensageiro, inclusive quando o conteúdo é falso. Neste caso, quem desobedecer essa regra pode ser banido da plataforma ou responsabilizado criminalmente.
  • Envio de dados pessoais: compartilhar informações pessoais como RG e CPF, pode gerar sérios problemas para o usuário dono dos dados. Isso porque, considerando o crescente número de golpes pelo aplicativo, como a clonagem, é possível que a vítima ajude o criminoso nesta questão. Por isso, tome cuidado!
4/5 - (44 votes)

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

1 comentário
  1. Josimar Diz

    E quem decide o que é fake news? O Alexandre de Moraes?
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.