Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (2 votes)

Tecnologia: 5G e PIX são destaques nacionais

Telefonia 5G e PIX são vetores para desenvolvimento do país, de acordo com recente divulgação oficial do Ministério da Economia. Saiba mais!

Telefonia 5G e PIX são vetores para desenvolvimento do país, de acordo com recente divulgação oficial do Ministério da Economia.

Tecnologia: 5G e PIX são destaques nacionais

A tecnologia e o empreendedorismo vão gerar a transformação social que o país precisa, destaca o Ministério da Economia em divulgação realizada na data desta publicação, 29 de junho de 2022.

O Brasil depois do 5G

A Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec/ME), participou da palestra “O Brasil depois do 5G”, durante o Painel Telebrasil 2022, nesta terça-feira (28/6), de acordo com o Ministério da Economia. 

Investimentos em tecnologia

De acordo com as informações oficiais, o Brasil tem investimentos contratados que superam R$ 900 bilhões, o que deve impulsionar a contratação de mão de obra, insumo e tecnologia no país. Foram citados dois vetores para um futuro diferente para o Brasil: a tecnologia 5G e a democratização das transações financeiras com o PIX

Transformação digital e o empreendedorismo

Visto que, são sementes de empreendedorismo que vão gerar transformação social para que a população de baixa renda possa progredir, conjugadas às políticas de crédito focadas no microempreendedor, destaca o Ministério da Economia.

A tecnologia e o desenvolvimento

Somente a demanda por soluções 5G para as mais diversas áreas da economia tem o potencial de gerar mais de R$ 100 bilhões em softwares e componentes que serão indiretamente contratados a partir da implementação da tecnologia.

A implantação da tecnologia 5G está faseada no país

O conselheiro da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), explicou que o cronograma para implantação do 5G no país está dividido em seis fases, destaca o Ministério da Economia.

A primeira, prevista para iniciar em julho, com o fornecimento de tecnologia nas capitais do país, com no mínimo uma antena para cada 100 mil habitantes, foi prorrogada por 60 dias pela dificuldade na aquisição de equipamentos provocada pela crise mundial. 

Diversas empresas participam do processo de implantação do 5G no Brasil

De acordo com informações oficiais do Ministério da Economia, o presidente da Telebrasil e da TIM Brasil, Alberto Griselli, afirmou que as operadoras estão prontas para iniciar os serviços. 

O Ministério da Economia destaca que o painel foi moderado por diversos representantes importantes do ramo de tecnologia e comunicação, sendo um importante avanço para o Brasil em diversas vertentes.

Sendo assim, estiveram presentes representantes da Qualcomm, da Claro, da Ericsson e da Divisão de Economia e Inovação da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

5/5 - (2 votes)
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.