Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Reencontro com a Escola: alunos do Pará recebem R$ 500

Pagamentos de iniciaram no último fim de semana para alunos concluintes do ensino médio.

Recentemente, diversos alunos do estado do Pará receberam R$ 500 pelo programa Reencontro com a Escola. O programa se destinou a estudantes do ensino médio neste momento de retorno depois das aulas remotas.

Além disso, o estado também já afirmou que irá atender alunos que não receberam o valor. Assim, estes terão uma nova chance de participar da medida. No entanto, ainda não houve divulgação de datas para os saques, o que deve ocorrer em janeiro de 2022.

Neste momento, então, estudantes de outras séries poderão receber o valor de R$ 100. Dessa forma, estes aguardam pelo calendário de pagamentos do programa. A Secretaria de Educação deverá realizar esta publicação em breve, atendendo 474 mil alunos.

Por fim, também é possível que os estudantes da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet) façam parte do benefício. Por enquanto esta decisão está sob análise do governo e do Banpará, banco do estado.

Reencontro com a Escola busca incentivar os estudos

De acordo com o governo do estado, foram 67.560 mil de alunos da rede pública estadual que tiveram acesso ao valor de R$ 500.

Portanto, o investimento chegou a um total de mais de R$ 33 milhões. Ademais, com o objetivo de conseguir atender todos os alunos que procurarão o benefício, o Banpará ofereceu um horário de funcionamento especial, ou seja, das 8h às 12h. Assim, foi possível dar um atendimento exclusivo aos participantes.

Nesse sentido, a titular da Seduc, Elieth de Fátima Braga, indica que o programa possui o objetivo de incentivar os alunos, além de movimentar a economia. “Além de injetar recursos na economia paraense, esta iniciativa vai possibilitar a permanência dos estudantes em nossos espaços de aprendizagem, combate a evasão escolar e estimula a vacinação contra a Covid-19.”, explicou.

Inicialmente, o valor apenas chegaria a cerca de 121 mil alunos que estavam no último ano do ensino médio. Dessa forma, o objetivo era de motivar o retorno presencial destes para a escola. Isto é, levando em consideração que muitos famílias vulneráveis passam por um momento delicado de suas vidas financeiras e, por isso, podem contar com estes alunos para incrementar a renda familiar.

Portanto, com o benefício, o governo busca combater a evasão escolar, além de incentivar novas matrículas para o próximo ano letivo.

Todo o trâmite da medida ocorreu de forma rápida, com aprovação da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) na última segunda-feira, dia 14 de dezembro, e lançamento oficial na quinta-feira, dia 16.

Quem recebeu a quantia?

Para fazer parte do programa Reencontro com a Escola, os alunos precisam:

  • De declaração de matrícula da Seduc
  • Documento oficial com foto como, por exemplo, RG, Carteira de Trabalho e CNH
  • Comprovante de vacinação contra a Covid-19 para maiores de 12 anos

Além disso, no caso de alunos menores de 18 anos precisam de apresentar documentos de seus pais ou responsáveis no momento da emissão do certificado de matrícula. Caso contrário, não seria possível receber o valor.

Leia mais:

Inep divulga lista de estudantes em situação regular no Enade 2021

Ciee abre vagas de estágios para estudantes de diversas áreas

Pagamento de Reencontro com a Escola ocorreu neste fim de semana

Neste última sábado, dia 18 de dezembro, se iniciaram os pagamentos do programa Reencontro com a Escola.

Nesse sentido, foi possível verificar grandes filas nos municípios de Belém e Altamira nas agências do Banpará. Inclusive, muitos registraram ficar na fila antes mesmo dos bancos abrirem, a fim de garantir seus atendimentos.

No dia seguinte, então, houve o registro de mais 6 mil alunos recebendo o valor, o que resultou em 67.560 mil de beneficiários. Dessa maneira, o estado conseguiu realizar um investimento de R$ 33 milhões.

Contudo, é possível que ainda seja possível chegar a 595 mil estudantes com um investimento de R$ 108 milhões.

Pará também investe em Renda Pará

Além do Reencontro com a Escola, o estado do Pará também iniciou o pagamento do Renda Pará. Isto é, programa social para cidadãos vulneráveis.

Os pagamentos se iniciaram nesta última segunda-feira, 20 de dezembro, para quem nasceu até 10 de janeiro.

Assim, aqueles que já participam do Auxílio Brasil, do Governo Federal, poderão contar com mais a quantia de R$ 200 do estado.

Em sua primeira parcela, em novembro de 2020 o programa chegou a 720 mil pessoas com o valor de  R$ 100. Em seguida, com a continuidade da pandemia da Covid-19, o estado investiu mais de R$ 66 milhões em uma nova parcela entre março e abril deste ano para mais de 600 mil pessoas.

Agora, então, a última rodada já chegou a 17.763 beneficiários apenas em um dia de pagamento. Dessa forma, os depósitos vão até o início de fevereiro de 2022, quando recebem aqueles que nasceram entre 21 e 31 de dezembro.

Leia mais:

Renda Pará terá nova rodada neste mês

Auxílio Brasil: como sacar o benefício?

Calendário de pagamento do Renda Pará

Aqueles que desejam acompanhar a data dos depósitos do benefício deverão verificar o calendário de pagamentos. Assim, o Renda Pará chegará aos seus participantes nos seguintes dias, de acordo com sua data de nascimento. Veja abaixo.

  • 20 de dezembro: para quem faz aniversário entre 01 a 10 de janeiro
  • 27 de dezembro: para quem nasceu entre 11 e 20 de janeiro
  • 28 de dezembro: de 21 a 31 de janeiro
  • 29 de dezembro: de 01 a 10 de fevereiro
  • 30 de dezembro: de 11 a 20 de fevereiro
  • 03 de janeiro: de 21 a 29 de fevereiro
  • 04 de janeiro: de 01 a 10 de março
  • 05 de janeiro: de 11 a 20 de março
  • 06 de janeiro: de 21 a 31 de março
  • 07bde janeiro: de 01 a 10 de abril
  • 08 de janeiro: de 11 a 30 de abril e de 01 a 10 de maio
  • 10 de janeiro: de 11 a 20 de maio
  • 11 de janeiro: de 21 a 31 de maio
  • 12 de janeiro: de 01 a 10 de junho
  • 13 de janeiro: de 11 a 20 de junho
  • 14 de janeiro: de 21 a 30 de junho
  • 15 de janeiro: de 01 a 31 de julho
  • 17 de janeiro: de 01 a 10 de agosto
  • 18 de janeiro: de 11 a 20 de agosto
  • 19 de janeiro: de 21 a 31 de agosto
  • 20 de janeiro: de 01 a 10 de setembro
  • 21 de janeiro: de 11 a 20 de setembro
  • 22 de janeiro: de 21 a 30 de setembro e de 01 a 20 de outubro
  • 24 de janeiro: de 21 a 31 de outubro
  • 25 de janeiro: de 01 a 10 de novembro
  • 29 de janeiro: de 11 a 30 de novembro e de 01 a 10 de dezembro
  • 31 de janeiro: de 11 a 20 de dezembro
  • 01 de fevereiro: de 21 a 31 de dezembro
Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

1 comentário
  1. Mateus moia da cruz Diz

    Renda para seduc

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.