Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Poupança: faça um planejamento financeiro flexível 

Faça um planejamento financeiro flexível e direcione valores para a sua poupança de forma orgânica. Confira algumas dicas!

 A poupança deve ser um conceito na rotina das pessoas, de modo que guardar dinheiro seja uma maneira orgânica de lidar com seu fluxo financeiro pessoal por meio de um planejamento financeiro, ainda que seja algo que ocorra de forma não linear.

Poupança: faça um planejamento financeiro flexível 

Por não sobrar dinheiro para uma poupança de forma adequada, muitas pessoas são inflexíveis com o planejamento financeiro e acabam optando por negligenciá-lo. No entanto, essa pode ser uma grande falha quanto aos seus objetivos, considerando o seu futuro. Já que o planejamento financeiro poderá configurar suas metas através de um direcionamento assertivo, ainda que você precise de um prazo maior para ter essa percepção.

Defina metas pessoais

A definição de suas metas pessoais é primordial no seu processo de planejamento.  Visto que é necessário que você saiba exatamente qual é a sua necessidade imediata e qual é o seu fluxo que pode ser projetado em longo prazo. Além disso, ter suas metas realizadas é uma maneira de direcionar o seu planejamento financeiro pessoal, criando um ciclo positivo de metas e realizações.

Registre a sua realidade financeira

É importante que tenha implicitamente o conceito de que realizar um planejamento financeiro pessoal é apenas registrar algo que já acontece na sua vida financeira. No entanto, ao realizar o planejamento, você estará controlando algo que já deveria ter sido gerido por você em outro momento. Por isso, quanto mais cedo você resolver manejar seu fluxo, definir suas metas e modificar seus hábitos, maiores serão as suas chances de sucesso.

Rigor excessivo gera autocobrança

Além disso, o rigor excessivo está presente na vida de muitas pessoas pela ausência da flexibilidade dentro da própria gestão financeira. Ou seja, muitas pessoas não conseguem guardar um determinado valor, porém, não guardam valor algum. Por isso, sugerimos que você tenha flexibilização no seu planejamento, corroborando as suas metas, ainda que sejam metas pequenas.

Tenha a poupança como um hábito

Lembre-se de que, com o passar do tempo, você poderá ajustar os valores para a sua poupança. Entretanto, em um primeiro momento é muito importante que você tenha a poupança como um hábito. Dessa forma, você deve portar todos os valores economizados e de todas as compras às quais você desistiu. 

Certamente, são hábitos de grande valia para o seu futuro e farão com que você tenha mais flexibilidade para com seus próprios propósitos, já que a autocobrança pode virar um comportamento autossabotador. Por isso, é muito importante que você tenha paciência com o seu próprio processo.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.