Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Planejamento financeiro pessoal: dicas para a sua rotina

Insira um planejamento financeiro pessoal de forma eficiente na sua rotina de forma orgânica. Confira dicas assertivas e direcionadas!

Dicas para o seu planejamento financeiro pessoal 

É muito importante que você tenha foco no seu planejamento financeiro pessoal para que possa viabilizar uma poupança e alcançar diversos objetivos.

No entanto, para que você alcance esse resultado é importante que faça um mapeamento de sua situação financeira atual. Visto que através desse mapeamento poderá direcionar diversos controles e categorizar suas despesas, viabilizando suas metas em curto, médio e longo prazo.

Faça o mapeamento sobre a sua situação financeira atual

Faça uma espécie de mapeamento sobre a sua situação financeira atual. Primeiramente faça uma espécie de mapeamento sobre a sua situação financeira atual, ou seja, separe seus gastos fixos de seus gastos variáveis para que tenha clareza sobre o que você realmente ganha, o quanto você gasta e o quanto você realmente deve.

Faça trocas viáveis financeiramente

Por exemplo, você pode trocar um cartão de crédito tarifado por um cartão de crédito sem anuidade, bem como, você pode realizar o mesmo tipo de troca sobre a sua conta corrente.

Visto que as fintechs oferecem serviços bancários de qualidade com isenção de tarifas. Sendo assim, você pode direcionar os valores economizados para a sua poupança da mesma forma você pode realizar outras trocas, como cancelar uma TV a cabo e assinar um serviço de streaming, por exemplo, ainda que você acredite que esses valores são baixos, direcione-os para a poupança.

Tenha clareza sobre suas metas pessoais

Coloque suas metas pessoais dentro do seu planejamento, separando-as por prazos. Ou seja, você pode separá-las por prazo curto, médio e longo, para que você possa ter clareza sobre as ações possíveis.

 Além disso, você pode também tomar ações que geram economia, sem exatamente inseri-las em uma meta. Dessa forma, você estará realizando uma mudança de hábitos.

Direcione valores economizados para a poupança 

Sendo assim, você pode direcionar os valores economizados com essas trocas para a sua poupança. Isso porque no início do seu planejamento financeiro pessoal o seu foco deve ser a economia e não exatamente os valores guardados.

Sendo assim, ao criar o hábito de guardar dinheiro, você certamente passará a questionar o seu hábito de compra e evitar compras por impulso para que possa direcionar os valores para a poupança.

Alcance seus objetivos 

Essas dicas são adaptáveis, no entanto, é importante que você tenha esses pontos como um direcionamento para que possa alimentar o hábito da poupança e alcançar seus objetivos em longo prazo.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.