Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Pix: chave aleatória e chave identificada

Entenda melhor como funcionam as chaves do Pix, sendo assim, saiba mais detalhes sobre a chave aletória e a chave identificada.

Quem pode fazer um Pix?

Conforme informação do Banco Central do Brasil, pode fazer um Pix, qualquer pessoa física ou jurídica que possua uma conta transacional (conta de depósito à vista, popularmente conhecida como conta corrente, conta de depósito de poupança ou conta de pagamento pré-paga) em um prestador de serviço de pagamento (instituições financeiras ou instituições de pagamento) participante do Pix.

Como funcionam as chaves Pix?

O cadastramento das chaves Pix e a realização de transações são responsabilidades das instituições financeiras e de pagamento participantes do Pix.

Sendo assim, o BC apenas disponibiliza os sistemas para essas instituições e não realiza cadastramento de chaves ou transações, conforme esclarece o próprio BC.

O que é a chave?

A chave é um ‘apelido’ utilizado para identificar sua conta. Ela representa o endereço da sua conta no Pix. Os quatro tipos de chaves Pix que você pode utilizar são:

  • CPF/CNPJ;
  • E-mail;
  • Número de telefone celular; ou
  • Chave aleatória.

 Dessa forma, a chave vincula uma dessas informações básicas às informações completas que identificam a conta transacional do cliente (identificação da instituição financeira ou de pagamento, número da agência, número da conta e tipo de conta).

O que é a chave aleatória?

A chave aleatória é uma forma de você receber um Pix sem precisar informar quaisquer dados pessoais ao pagador. Sendo assim, é um código único, de 32 caracteres com letras e símbolos, gerado aleatoriamente pelo Banco Central e atrelado a uma única conta. 

O BC informa que essa opção foi criada principalmente para ser utilizada com QR codes gerados por meio do aplicativo de sua instituição, a fim de facilitar o recebimento de recursos financeiros. Ela também pode ser copiada e enviada, por exemplo, por mensagem, não sendo a intenção que seja memorizada pelo usuário.

Há limites para chaves aleatórias?

Conforme informa o BC, o usuário pode cadastrar múltiplas chaves aleatórias, seja vinculada à mesma conta ou a contas diferentes. No entanto, desde que dentro do limite de 5 chaves por conta, se pessoa física, e 20 chaves por conta se pessoa jurídica.

Esse é o único tipo de chave que não é possível realizar a portabilidade. Assim, basta simplesmente excluir a chave na conta origem e cadastrar uma nova chave aleatória na conta destino.

O Pix é somente para quem possui celular?

Não necessariamente. O BC informa que o Pix pode ser disponibilizado pelas instituições participantes em diversos canais de acesso. No entanto, o telefone celular, desde que seja um smartphone, é um desses canais. Acredita-se que o smartphone será o canal de acesso mais utilizado.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.