Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

O que é procrastinação crônica?

Entenda o que é a chamada "procrastinação crônica".

Entender o que é procrastinação crônica é um passo importante para saber lidar com esse problema.

Reconhecer as causas e as questões relacionadas com o ato de procrastinar cronicamente é de suma importância para resgatar a produtividade e a sensação de dever cumprido, por exemplo.

Por isso, neste conteúdo você encontra informações importantes sobre o tema, com o intuito de lhe ajudar a ser mais feliz no seu trabalho e nos seus estudos. Vamos lá?

O que é procrastinação crônica?

Todo mundo, em um certo nível, é procrastinador. Uns mais, outros menos.

Independente da organização que você tem e por mais que você seja super disciplinado, a procrastinação pode aparecer, cedo ou tarde. Faz parte. É como se ela fosse capaz de nos dar alguns minutos de descontração e descanso e, quando ocorre de maneira equilibrada, está tudo bem.

O problema surge, no entanto, quando essa procrastinação é crescente, recorrente, frequente e muito intensa, a ponto de atrapalhar a sua rotina de forma profunda, fazendo com que os seus resultados sejam negativos.

Você percebe o que é procrastinação crônica quando se depara com um ciclo sem fim de “deixar pra depois”, “para daqui cinco minutos”, “para amanhã”, “para semana que vem”. E quando se dá conta, percebe que não fez o que deveria ter feito há horas, dias, semanas, meses e, em casos extremos, anos.

A procrastinação crônica é silenciosa, e ela costuma aparecer apenas quando o prazo já foi furado e você já está, novamente, sentindo aquela sensação de fracasso no trabalho, nos estudos, nos relacionamentos…

É algo que faz parte da rotina e, por isso, é visto como “crônico”. Ou seja, não é agudo… Não é pontual. Não acontece só um dia ou só diante de um tipo de trabalho.

Acontece sempre. Todo dia.

Você compra livros que nunca lê. Matricula-se na academia, mas nunca vai. Diz que vai começar uma dieta na segunda, mas essa segunda nunca chega. E assim por diante…

Analise a sua rotina. Veja até que ponto a procrastinação crônica pode estar instaurada em sua vida. Analise o que você tem feito e deixado de fazer. E, mais do que isso, tente entender as causas dessa procrastinação…

É a baixa autoestima? A insegurança? A preguiça? O medo de tentar? Pense sobre isso! Reconhecer as causas é uma forma de melhorar a sua relação com a sua rotina, além de lhe ajudar a vencer a procrastinação.

É possível vencer a procrastinação?

Sim. É possível vencer a procrastinação desde que você se comprometa a isso.

Comece analisando as suas ações… Pense no longo prazo e visualize o seu futuro. Saiba analisar as suas atitudes e reconheça os seus erros. Não adianta querer criar uma desculpa para algo que não foi feito. Apenas admita o erro e a procrastinação, e vida que segue!

Depois de reconhecer os episódios de procrastinação crônica e se autorresponsabilizar, comece a planejar um novo futuro para você. Pense no longo prazo, pense nas consequências! 

Imagine aonde você quer estar amanhã, semana que vem, ano que vem. Isso tudo pode lhe dar forças para fugir do ciclo da procrastinação.

E outra coisa importante: não basta saber o que é procrastinação crônica, é preciso atuar contra ela, através do autoconhecimento, da psicoterapia e do comprometimento de mudança. Foque no longo prazo, organize-se e vença a procrastinação crônica.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.