Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Novo Bolsa Família: Quando as inscrições serão abertas? Confira

O Governo Federal vem estudando a reformulação do Bolsa Família.

Desde o início dos pagamentos do auxílio emergencial 2021, o Bolsa Família foi suspenso. Acontece que os beneficiários do programa social se encaixam nos critérios de concessão do coronavoucher, o que gerou a transferência dos segurados.

Devido a folga, o Governo Federal vem estudando a reformulação do Bolsa Família. A medida faz parte do plano estratégico para a campanha de recandidatura do presidente da república, Jair Bolsonaro, em 2022.

Neste sentido, muitos cidadãos que se encontram em situação de vulnerabilidade social, aguardam a liberação das novas inscrições para o programa. No entanto, sabe-se apenas que a seleção será baseada nos dados registrados no CadÚnico, como já ocorre atualmente.

Recebem o benefício do Bolsa Família as famílias caracterizadas como pobres e extremamente pobres. Para isso, elas devem apresentar uma renda entre R$ 89 a R$ 178, além de ter em sua composição, gestantes, crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos de idade.

Até o momento, o programa não possui um meio específico para cadastramento. Como mencionado, as inscrições são realizadas mediante ao CadÚnico, gerenciado pelos municípios nos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS).

Em razão disso, uma das propostas do novo projeto é efetivar as inscrições ao programa de maneira virtual. Para isso, o Governo Federal pretende desenvolver um aplicativo específico para o Bolsa Família.

Por meio dele, o beneficiário poderá acessar uma série de serviços além de realizar a inscrição de entrada, como consultar a situação do benefício, acompanhar a análise, a liberação, o calendário de pagamento, entre outros detalhes.

Outra promessa bastante discutida entre os parlamentares, é ampliação do valor médio distribuído pelo Bolsa Família. A expectativa é que a quantia seja definida em aproximadamente R$ 280, concedida para 17 milhões de famílias, cerca de 3 milhões segurados a mais no número atual.

Todavia, para aumentar o valor do abono, o Governo pretende incluir novos benefícios ao Bolsa Família. Eles serão liberados em situações específicas, condizendo também com a composição familiar. Confira:

  • Auxílio-creche para cada criança pertencente ao grupo familiar no valor de R$ 52;
  • Bônus anual para o aluno destaque no valor de R$ 200;
  • Bolsa mensal no valor de R$ 100 mais um prêmio anual de estudante científico e técnico de destaque no valor de R$ 1 mil.

Veja também: 4ª parcela do Auxílio Emergencial 2021 é concluída para a modalidade digital 

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.