Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (1 vote)

Economia: Governo Central tem déficit primário em maio

O Governo Central tem déficit primário de R$ 39,4 bilhões em maio, de acordo com informações oficiais do Ministério da Economia. Saiba mais!

O Governo Central tem déficit primário de R$ 39,4 bilhões em maio, de acordo com informações oficiais do Ministério da Economia. Confira informações relevantes para a economia de modo abrangente!

Economia: Governo Central tem déficit primário de R$ 39,4 bilhões em maio

No mesmo mês, em 2021, o resultado foi deficitário em R$ 21,0 bilhões, destaca o Ministério da Economia através de divulgação oficial realizada na data desta publicação, 29 de junho de 2022.

Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central do Brasil

O resultado primário do Governo Central – Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central do Brasil (BCB) – apresentou déficit de R$ 39,4 bilhões em maio, em termos nominais (sem considerar a inflação), superando a mediana das expectativas do Prisma Fiscal do Ministério da Economia, que indicava um déficit primário para o mês de R$ 23,1 bilhões. 

De acordo com o Ministério da Economia, em maio de 2021, o déficit primário foi de R$ 21,0 bilhões. As informações constam do relatório do Resultado do Tesouro Nacional (RTN) de maio, divulgado nesta quarta-feira (29/6) em entrevista coletiva. 

Relatórios oficiais

Na ocasião, também foram  apresentados o Relatório de Despesas por Função do Governo Central e o Relatório de Projeções Fiscais, destaca o Ministério da Economia. O Tesouro Nacional e o Banco Central do Brasil (BCB) foram superavitários em R$ 7,6 bilhões em termos nominais, enquanto a Previdência Social (RGPS) apresentou déficit primário de R$ 47,0 bilhões, destaca a divulgação oficial do Ministério da Economia.

Dados oficiais

Em comparação a maio de 2021, o resultado primário observado decorre da combinação de uma redução real de -3,3% (R$ 4,1 bilhões) da receita líquida e um aumento real de 7,9% (R$ 11,8 bilhões) das despesas totais, destaca o Ministério da Economia.

Déficit da Previdência Social e superávit do Tesouro Nacional

De janeiro a maio de 2022, a Previdência Social registrou déficit de R$ 128,4 bilhões (a preços de maio de 2022), enquanto o Tesouro Nacional e o Banco Central do Brasil (BCB) apresentaram superávit de R$ 170,3 bilhões.  

Segundo informações oficiais do Ministério da Economia, o resultado primário do Governo Central acumulado em 12 meses (até maio de 2022) foi de déficit de R$ 21,3 bilhões – o equivalente a 0,26% do Produto Interno Bruto (PIB).

Receita Federal do Brasil (RFB)

A Receita Administrada pela Receita Federal do Brasil (RFB), acumulada em 12 meses, apresentou elevação real de 15,2% em relação a maio de 2021, enquanto a variação registrada pela arrecadação líquida para o RGPS, no mesmo período, foi de 3,3%. Acompanhe as fontes oficiais do Governo Federal e acompanhe os diversos fatores que impactam a economia de forma direta ou indireta.

5/5 - (1 vote)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.