Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Confira: 5 curiosidades sobre a Idade Média

Fatos curiosos que você provavelmente não conhece!

5 curiosidades sobre a Idade Média: descubra quais são

Denominados de “Idade Média” o período que sucede a Idade Antiga e antecede a Idade Moderna.

A Idade Média é caracterizada por uma série de transformações e mudanças extremamente importantes. Assim, não é de se surpreender que esse período e os eventos que nele aconteceram sejam tão abordados por questões de história das principais provas do país.

Dessa maneira, para te ajudar, o artigo de hoje trouxe algumas curiosidades sobre a Idade Média. Esses fatos curiosos irão, sem dúvidas, te auxiliar nos seus estudos sobre o período!

As relações entre cristãos e muçulmanos

Você sabia que as relações entre cristãos e muçulmanos não eram, durante a Idade Média, caracterizada somente por conflitos e guerras?

Isso mesmo. Muitas pessoas pensam que os dois grupos viviam em constante conflito, devido, principalmente, às Cruzadas.

Porém, especialmente durante a Baixa Idade Média, os dois grupos conviviam em paz e chegaram até mesmo a se aliar em determinados momentos.

A invenção do dízimo

Pepino, o Breve, rei dos francos, é considerado o “inventor do dízimo”. Isso porque, apesar de esse já existir desde a antiguidade, o imposto foi criado como parte dos impostos cobrados aos servos durante a Alta Idade Média.

Todos os servos deveriam destinar 10% de sua produção à Igreja, pagando, assim, o dízimo.

Algumas pessoas tomavam, sim, banhos com frequência!

Muitas pessoas pensam que toda a sociedade não tomava banhos com frequência durante a Idade Média. Porém, isso não é totalmente verdade.

Uma curiosidade sobre a Idade Média é que, durante o período, as classes mais altas da população tomavam banhos com frequência, especialmente por meio de saunas e banheiras. Essas pessoas eram, normalmente, os senhores feudais e os reis dos reinos mais poderosos e ricos.

Animais eram condenados pela justiça

Você sabia que animais podiam ser condenados pela justiça?

Isso mesmo. Em alguns momentos da Idade Média, animais foram condenados às mais variadas penas. Isso acontecia quando os bichos realizavam atos que desagradavam os homens, como estragar plantações ou roubar comida dos homens.

Uma época de invenções?

A ideia de que a Idade Média teria sido um período de trevas e de censura da Igreja Católica foi inventada pelos pensadores iluministas no século XVIII.

Na verdade, o período foi caracterizado por diversas produções intelectuais, criações e invenções. A ciência e as artes como um todo se desenvolveram consideravelmente durante esse período, apesar do forte domínio da Igreja Católica sobre a sociedade.

24 Comentários
  1. José Moura Diz

    Todo radicalismo é obscurantista. A chamada “Idade Media” pode ter tido muitos aspectos sombrios desHUMANOS e até repugnantes. Mas , certamente não foram apenas trevas. A pintura , a literatura , a arquitetura, tiveram grandiosas producoes neste periodo.Ou seria coisa simples erigir catedrais góticas de grandes proporções, com equipamentos rudimentares se comparados à tecnologia contemporânea?
    .

  2. Luiz Felipe Diz

    Professor Frederico Silva, a escritora Giovana Mauro disse que o dízimo já existia na antiguidade, ela só não explicou a origem, mas ressaltou que já existia. Ela disse também que o tal do Rei Francos era considerado o inventos do dízimo, isso não quer dizer que ele inventou nada. Gostei e aprendi com a abordagem de ambos. Que Deus abençoe a vocês!

  3. Ricardo Pavão Diz

    Impressionante como um Papa que age como cristão é confundido pelos fundamentalistas como comunista…
    Sério, um Papa Comunista? Ah…me poupe !

  4. Gilberto Alves Diz

    Juro pra vcs. Eu vivi em um periodo antes da idade media. Ainda não havia sido inventado o arco e flecha nem as charretes. Eu vivi lá até os 9 anos fe idade

  5. Luiz Diz

    Assunto muito relevante
    Gostei muito

  6. Francisco Santos de Oliveira Diz

    Frederiko Silva. Além de rever essa versão em que a Igreja é responsável por tudo de bom alcançado pela humanidade [que o digam Copérnico e outras mentes brilhantes oprimidas pela “Santa Inquisição”], faça um cursinho de Português. Fica feio um “professor” escrevendo “houveram isso e aquilo”. Erro crasso! O verbo haver no sentido de existir é impessoal, portanto não flexiona em número, ou gênero. Cuidado com seu telhado de vidro ao criticar o trabalho dos outros.

  7. Regina Diz

    Tenho uma excelente sugestão. Leiam o livro “A VIDA SECRETA DA IDADE MÉDIA” de autoria de Elena Percivaldi. Editora Vozes.

  8. REGINALDO FERREIRA Diz

    Pelo que eu li eu seu comentário , você não estudou bem não,o primeiro dízimo foi devolvido por Abraão meu camarada ,sem levar em consideração a oferta dada as Deus por Abel filho de Adão que seria uma forma de dízimo .

  9. Frederiko Silva Diz

    Sou professor de história do cristianismo e algumas considerações devem ser feitas. Primeiro que o dízimo já existia no judaísmo e assim sucedeu na Igreja primitiva até chegar na Igreja institucionalizada com poder estatal. Com isso virou uma obrigação e perdeu o sentido espiritual. Outra coisa no comentário que diz: “houve crescimento apesar da igreja católica” – é válido ressaltar que todo desenvolvimento científico e cultural (seja nas artes, literatura e música) se deu por incentivo e prática da igreja que promoveu todo o desenvolvimento como criação de hospitais, escolas, universidades, etc. Outro ponto relevante a comentar é que quando o império romano do Ocidente caiu em 476 d.C. – a Igreja lidou com os povos bárbaros invasores e os converteu, negociou com eles e preservou a cultura clássica, a Bíblia e o conteúdo dos escritos do 4 primeiros séculos. A Igreja salvou a cultura ocidental. Porém nesse processo ela foi gradualmente se desviando dos padrões bíblicos. Então, todo o desenvolvimento do mundo ocidental tal como conhecemos hoje foi por causa da igreja. Sabemos que houveram os abusos e muitas atrocidades cometidas em nome da “igreja” homens maua que mataram em nome de “Deus” e os gananciosos e tiranos, muitos deles papas e bispos que comentaram diversas atrocidades; não temos como esconder isso. Na atualidade estamos vendo um papa declaradamente comunista que vai contra os princípios bíblicos, imaginem naquela época que não tinha redes sociais para sabermos melhor a verdade; mas, contudo, todavia, não devemos desmerecer os feitos e o que o mundo ocidental é hoje em termos de desenvolvimento por causa da Igreja.

  10. JOAO WICTOR DE MELO SILVA Diz

    Esse foi um período de retrocesso na história humana. Nada apaga as atrocidades orquestradas pela Igreja Católica. Não houve avanços, pelo contrário.

  11. Sid Diz

    Não foi bem assim, a igreja católica condenaram aqueles que eram cientistas na fogueira e outras condenações, o exemplo Giodano Bruno

  12. ANDERSON DE LIMA Diz

    Parabéns 👏, gostei muito.

  13. SILVIO MACEDO Diz

    Não só a igreja católica como todo início e evolução do novo evangelho…Quando Martinho Lutero apreguou as 95 teses em frente à umas das igrejas catolicas mais importante da época. E que na Idade Média as pessoas acusadas de heresias eram condenadas à morte…

  14. Júlio Cesar Konkowski Diz

    Invenções surgiram no medieval, mas nem tantas, notadamente se comparado ao tamanho do período. Assim como o relógio parado acerta duas vezes durante o dia, não se pode afirmar que o medieval tenha sido um período fértil à ciência. Os iluministas estavam certos ao se referir ao medievo como um momento de trevas e escuridão. Muitos períodos foram infinitamente mais promissores que o medievo. A igreja católica foi responsável por, no mínimo, 1.000 anos de retrocesso científico. Muitos pensadores e invenções foram censurados e amordaçados pelo obscurantismo da igreja. Não fosse essa religião, estaríamos hoje em outro degrau cientifico. Em nome dela se matou e retrocedeu.

  15. marcos Antonio de Morais Junior Diz

    O comentário sobre as invenções na idade média para mim não passam de mais uma tentativa de amenizar o período mais obscuro da humanidade, quando o cristianismo nos condenou ao maior atraso. Giovanna Mauro, por favor, escreva aqui algumas desses tais “desenvolvimentos” que você sugere. Deixe-me te lembrar alguns fatos: a igreja condenou a morte por heresia os médicos que faziam autópsias nas universidades de Bolonha (Itália) e Leiden (Holanda), condenou a morte os alquimistas e as mulheres por bruxaria, além dos astrônomos, matemáticos, etc. Mostre aí uma invenção, por favor. A igreja não promoveu avanços; a igreja matou e torturou.

  16. Jessica Diz

    Seria bom colocar as referências né !? Precisamos de artigos que tenham as informações de onde foram tirados esse dados.

  17. LUIZ CLEIBER ARAUJO DA ROCHA Diz

    Idade Média, idade das trevas. Por não ter nascido neste período da História, serei sempre agradecido ao Senhor.

  18. Marcos Diz

    Parabéns Fernando Neto, pouquíssimas pessoas fazem ideia de que no cristianismo florescem as ideias e o desenvolvimento. Não cito as demais, falo apenas deste.

  19. Jean Diz

    Mais ou menos, Fernando… depende um pouco Tbem
    da época (o q chamamos de “Idade Média” compreende um período de Vários séculos, e do local de referência…

  20. Fernando Neto Diz

    A ciência evoluiu graças a Igreja católica e não apesar.

  21. Cristiane Diz

    Sou super curiosa . Adoro história!

  22. Cristiane Diz

    Gostei muito. Sou super curiosa . Adoro história!

  23. ADALTO Junior Diz

    Giovanna. Parabéns. Que texto bacana menina. Você me colocou pra pensar.

  24. Alexandre Diz

    Muito bom Essa Matéria Gostei Muito Gosto Muito de Aprender as coisas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.