Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Como trabalhar inteligência emocional na sala de aula?

Para trabalhar inteligência emocional na sala de aula é preciso lançar um olhar sensível sobre o cotidiano dos alunos. Isso porque as emoções estão presentes em diversos contextos, e é papel do educador enxergar esses contextos para falar sobre eles em sala de aula.

Assim sendo, neste conteúdo nós apontamos algumas dicas que partem desse pressuposto, a fim de lhe ajudar a criar uma atmosfera mais equilibrada para os seus alunos. Continue lendo para entender.

Como trabalhar inteligência emocional na sala de aula?

Ao trabalhar inteligência emocional na sala de aula nós estamos regando um futuro mais promissor para os nossos alunos. Afinal, sabemos que as emoções fazem parte da nossa vida e elas devem ser bem trabalhadas ao longo de toda uma história. Por isso, vamos colocar em prática as sugestões abaixo? Então nos acompanhe!

1- Conte histórias que tratem das emoções

Usar a literatura como um caminho para tratar das emoções em sala de aula é bem interessante. Você pode contar diversos tipos de histórias, como por exemplo: de superação; sobre luto e perda; sobre problemas em relacionamento; sobre autoestima; sobre relações de maneira geral; e assim por diante.

Lembre-se de fazer com que os alunos reflitam, junto com você, sobre as atitudes que os personagens tomam diante das emoções que sentem.

2- Permita que as crianças se expressem por meio de atividades artísticas

As atividades artísticas são sempre excelentes na hora de se trabalhar inteligência emocional na sala de aula. Isso porque a criança pode expressar um sentimento por meio de um desenho, um texto, uma cantoria, dança ou teatro.

Por isso, permita que esses momentos artísticos mais livres aconteçam. Isso fará muita diferença na hora da criança compreender o que está dentro dela.

3- Fale sobre a importância de se escutar as emoções

Discurse claramente sobre a importância de se dar a devida atenção às nossas emoções. Infelizmente, muitas crianças ainda precisam ouvir que devem “engolir o choro”, e isso as torna muito reprimidas emocionalmente.

Portanto, é seu papel de educador fazê-la compreender que precisamos falar mais sobre as emoções, para que possamos compreendê-las melhor.

4- Faça roda de conversa

Invista nas rodas de conversa na hora de trabalhar inteligência emocional na sala de aula. Você mesmo pode começar contando algum acontecimento que mexeu com você, instigando as crianças a falarem mais sobre as emoções.

5- Solicite que a criança escreva sobre emoções

Solicitar que a criança escreva sobre o que está sentindo no momento também pode ser um bom caminho para trabalhar inteligência emocional na sala de aula.

Isso porque você estará dando um espaço para que ela pare e preste atenção no que está acontecendo na mente dela naquele momento.

6- Faça trabalhos em grupo sobre cada emoção

Por fim, experimente fazer trabalhos em grupo onde cada turminha fica responsável por caracterizar, dar exemplos e apresentar informações sobre uma determinada emoção. Além de super divertido, é algo muito lúdico.

Experimente essa atividade na hora de trabalhar inteligência emocional na sala de aula!

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.