Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Brasileiro comeu 25 ovos a mais que a média mundial em 2021

Neste sábado (18), o diretor de mercados da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Luis Ruas, comentou sobre o perfil do consumo de proteína animal no Brasil no ano de 2021. Segundo o diretor, o Brasil deve bater recorde de venda de ovos, frango e suínos em 2022, após o brasileiro ser obrigado a adotar as proteínas mais acessíveis para fugir dos altos preços da carne vermelha nos mercados.

Segundo Luis Ruas, o brasileiro consumiu em média quatro ovos a mais se comparado com 2020. Já se comparado ao consumo mundial de ovos, o brasileiro consumiu cerca de 25 ovos a mais que a média mundial.

“Saímos de 45 quilos de carne de frango para 46 quilos per capita; no caso de carne suína deve chegar próximo a 17 quilos, aumento de quase 1 quilo em relação ao que foi consumido em 2020. E ovos, cada brasileiro consumiu em média 255 ovos, um aumento de 4 ovos a mais que o ano passado; e 25 ovos a mais que a média mundial. Os brasileiros vêm consumindo mais as nossas proteínas”, disse Ruas.

A expectativa para 2022 deve ser ainda maior, segundo o diretor da ABPA, o consumo dos ovos pode chegar a 262 unidades por brasileiro, além do aumento no consumo das carnes de frangos e suínos.

“Nossas perspectivas são do aumento de [consumo] de carne de frango, carne suína e também dos ovos. A gente estima chegar a 48 quilos per capita ano que vem em carne de frango, a mais de 17,5 quilos no caso de carne suína e acima de 262 ovos. Tudo isso faz com que a gente não tenha diminuição da disponibilidade para nosso consumidor brasileiro”, afirmou o diretor.

Mercado Chinês

De acordo com Luis Ruas, após o fim do veto da carne brasileira ao mercado chinês, a expectativa é de que o país se mantenha como um forte parceiro comercial do Brasil, principalmente na importação de frango e de carne suína.

“A gente estima que a China no ano que vem deve importar 4 milhões de toneladas de carne suína, e 1 milhão de toneladas de carne de frango. O Brasil é o principal fornecedor, no caso de carne de frango, mais de 50% das importações chinesas são de produto brasileiro. No caso de carne suína, temos algo em torno de 10%, 12%. Então a gente estima que ano que vem devemos também continuar a vender em quantidades significativas, e a China deve permanecer como nosso principal parceiro comercial, tanto em carne de frango quanto em carne suína”, salientou Ruas.

Expectativas para o mercado de ovos, frango e carne suína em 2022

Em 2022 o Brasil possivelmente irá bater novo recorde na produção, exportação e consumo de ovos, carne de frango e de porco no ano de 2022, segundo estimativas da ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal).

A produção de carne de frango tem previsão de atingir cerca de 15 milhões de toneladas em 2022, isso representa um crescimento de 4% comparado a 2021. As expectativas também são otimistas para as exportações, com previsão de aumento de 5%.

A projeção para o aumento na produção de carne suína é de 4%. Já as exportações devem chegar a 1,2 milhões de toneladas, 7,5% a mais que em 2021.

Além disso, ainda existe a projeção de números recordes para os ovos. Cerca de 56 milhões de unidades devem ser produzidas no Brasil e as exportações podem chegar a 10.200 toneladas em 2022.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.