Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (1 vote)

Auxílio Emergencial: pagamento retroativo está garantido em janeiro? Entenda

Muita gente está esperando para saber se vai ter direito ao Auxílio Emergencial retroativo que deve sair já no próximo ano

O Governo Federal indicou que poderia pagar o retroativo do Auxílio Emergencial este ano, mas acabou voltando atrás. Pelo que se sabe até o momento, não há mais tempo hábil para fazer os repasses desse adicional para os brasileiros. Agora todo mundo quer saber se já há uma nova data para essa liberação.

Afinal de contas, já dá para confirmar que essas pessoas irão receber esse dinheiro em janeiro de 2022? Pelo que sabe-se oficialmente até aqui, a resposta é não. Neste momento, ainda não há nada que diga que o Governo vai liberar esse retroativo no primeiro mês do ano.

Mas isso não quer dizer que os pagamentos não irão sair. A verdade é que neste momento nem mesmo o Palácio do Planalto tem muita noção do que vai fazer de fato. De acordo com o Ministério da Cidadania que é a pasta responsável pelos repasses, eles deverão lançar um decreto com todas as regras dessas liberações.

O que se sabe mesmo é que o dinheiro está disponível e pronto para ser pago. Na última sexta-feira (24), o presidente Jair Bolsonaro assinou a Medida Provisória (MP) que libera cerca de R$ 4,1 bilhões para os pagamentos desse retroativo. A quantia existe, só falta chegar no bolso do brasileiro que precisa.

De acordo com informações de bastidores, o mais provável é que o Palácio do Planalto pague esse adicional em janeiro. Ao menos esse é o objetivo. Mas ainda é uma incógnita se eles irão conseguir fazer isso de certeza. No primeiro mês de 2022, o Governo vai seguir os pagamentos do Auxílio Brasil e também do vale-gás nacional.

Repasse único

As informações a cerca dessa liberação é que ela irá acontecer em repasse único. Então não importa se ele vai sair em janeiro, fevereiro ou só no final do ano. Seja qual for a data, ele será paga de uma só vez.

De acordo com o próprio Ministério da Cidadania, algumas pessoas poderão receber até R$ 3 mil. A boa notícia para eles, é que vai ser possível acumular esse pagamento com os recebimentos do Auxílio Brasil e até do vale-gás.

Quem recebe o Auxílio retroativo?

Conforme o Governo Federal, irão poder receber esse retroativo apenas os pais solteiros que estavam recebendo o Auxílio Emergencial ainda no começo do ano passado, mais precisamente nos cinco primeiros pagamentos.

O presidente Bolsonaro tinha vetado o direito desses homens de receberem o auxílio em questão de forma dobrada, entretanto, o Congresso Nacional derrubou esse veto e por isso eles estão tendo o direito de recuperar essa quantia.

É preciso se inscrever?

Não. Pelo que se sabe até aqui, ninguém precisa se inscrever para receber o retroativo do Auxílio Emergencial. O próprio Governo Federal vai fazer uma espécie de varredura para escolher quem são os beneficiários.

Para isso, eles irão utilizar a base de dado do Cadúnico e uma série de outras também. Vale lembrar que nem todos os pais solteiros que estavam no Auxílio Emergencial estavam nesta lista do Governo Federal.

5/5 - (1 vote)

Veja o que é sucesso na Internet:

5 Comentários
  1. Rita de Cassia Matheus Diz

    Sou mãe solteira e não recebi o valor integral nós primeiros meses …tenho direito ao retroativo ?

  2. José Roberto Rissato Diz

    Não tenho mais nada pra fazer e ganhar um pouco para sobreviver

  3. Joao Lourenco Diz

    Eu preciso muito esse retroativo do auxílio emergencial

  4. Simone Daniela de frança horacio Diz

    Trabalho por dia tenho familha dois netos que cuido

  5. Marcos Fabricio Ferreira Diz

    Sera que vou receber meu auxilio tenho uma filha estou sem trabalho preciso.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.