Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

2.7/5 - (9 votes)

Auxílio Brasil: Veja quando começam os pagamentos para novos inscritos

Cerca de 14,6 milhões de famílias foram atendidas, todas beneficiárias do antigo Bolsa Família, que foram transferidas automaticamente para o novo programa de transferência de renda.

O Auxílio Brasil encerrou o seu primeiro pagamento na última terça-feira (30). Cerca de 14,6 milhões de famílias foram atendidas, todas beneficiárias do antigo Bolsa Família, que foram transferidas automaticamente para o novo programa de transferência de renda.

Veja também: Auxílio emergencial e pagamento da 8ª parcela de até R$375 pela CAIXA

O Governo Federal anunciou que mais 2,4 milhões de pessoas serão contempladas, a fim de totalizar cerca de 17 milhões. Essa ação, se efetivada, irá zerar a fila de espera para entrar na folha de pagamento. Todavia, as novas concessões foram adiadas por alguns meses.

Isso porque, para viabilizar o benefício para um número maior de pessoas, a equipe precisa garantir espaço no Orçamento Oficial da União de 2022. Esse triunfo pode vir por meio da aprovação da PEC dos Precatórios, em análise atualmente no Senado Federal.

Possibilidades quando ao novo Bolsa Família

Além de possibilitar que mais famílias sejam atendas pelo Auxílio Brasil, a concessão da PEC dos Precatórios permitiria que as mensalidades tivessem um valor médio de R$ 400 até o fim de 2022.

No entanto, mesmo que a proposta ainda esteja estagnada no Senado, de acordo com o senador Fernando Bezerra Coelho, o Governo pretende turbinar a iniciativa antes do feriado de natal, possibilitando as novas condições ainda em 2021.

Contudo, vale mencionar que as 14,6 milhões de famílias atendias pelo novo programa receberam apenas um benefício no valor médio de R$ 220. A quantia representa um reajuste de 20% sobre o abono médio antes concedido pelo Bolsa Família.

Beneficiários terão direito ao 13º salário

Recentemente, o governo do estado de Pernambuco anunciou que vai liberar junto a mensalidade do Auxílio Brasil um 13º salário aos beneficiários do novo programa. O abono será concedido em regiões específicas do país.

Veja também: NOVO calendário do Auxílio Brasil: veja as datas do próximo pagamento

Em razão da crise econômica e sanitária no Brasil, causada pela pandemia da Covid-19, os governos estaduais adotaram políticas públicas extras. No estado de Pernambuco, os segurados do antigo Bolsa Família terão acesso a um abono extra no fim de ano, podendo chegar a R$ 150.

Calendário de pagamento do 13º salário

As famílias contempladas pelo Auxílio Brasil terão acesso ao 13º salário a partir de 2022. O saque do benefício extra poderá ser realizado por meio do cartão do Bolsa Família, em um terminal de autoatendimento da Caixa Econômica Federal.

  • Fevereiro: recebem os beneficiários nascidos em janeiro, fevereiro, março e abril.
  • Março: recebem os aniversariantes de maio, junho, julho e agosto.
  • Abril: recebem os que nasceram em setembro, outubro, novembro e dezembro.

Pagamento do 13º salário pelo novo programa é vetado

Em 2019, o presidente da república, Jair Bolsonaro, concedeu um 13º salário as famílias contempladas pelo Bolsa Família. No entanto, desde o ano passado a medida não é repetida. Na ocasião, a ação tinha sido uma promessa eleitoral do chefe do Executivo.

Como justificativa, Bolsonaro ressalta que não há recursos que possa financiar tal medida. Além disso, o Governo Federal está usando as suas últimas forças para viabilizar as parcelas de novembro e dezembro do Auxílio Brasil.

2.7/5 - (9 votes)
2 Comentários
  1. ANA CLELIA ALVES COSTA Diz

    As pessoas que estána filha deste de 2019nao vai tem direito de receber auxílio brasil.esse ano..mesmo que está no cadastro único….

  2. Leny Diz

    Quando se trata de aumenta alguma coisa prós pobres nunca dar,mas quando é pra aumentar o salário deles dos parlamentares sempre dar,esse e o nosso país ,pais de desigualdade

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.