Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

1/5 - (1 vote)

Auxílio Brasil de R$400 permanente é pago para dois grupos nesta semana

Segundo as informações oficiais, pouco mais de 18 milhões de brasileiros estão aptos ao recebimento do Auxílio Brasil neste momento

Dois grupos devem receber a sétima rodada do Auxílio Brasil ainda nesta semana. Nesta quinta-feira (19), é a vez dos usuários que possuem o Número de Inscrição Social (NIS) final 2. Já na sexta-feira (20), será a vez daqueles que possuem o NIS final 3. Não é necessário realizar nenhum tipo de solicitação.

Para os que têm NIS final 2, o dinheiro já está na conta desde as primeiras horas desta manhã. O cidadão pode movimentar a quantia através do aplicativo Caixa Tem. Pelo app, é possível pagar boletos, contas, fazer compras online ou até mesmo presenciais por meio do cartão de débito gerado pela aplicação.

Outra opção é usar o Caixa Tem para sacar o dinheiro em espécie. Basta seguir os passos do próprio aplicativo, gerar um código e inserir a numeração no sistema do caixa eletrônico. Não é preciso pagar nenhuma taxa. O sistema é totalmente gratuito. As mesmas regras valem para todos os grupos do programa.

Segundo informações do Ministério da Cidadania, mais de 18 milhões de brasileiros estão aptos ao recebimento do Auxílio Brasil neste mês de maio. Trata-se de um aumento de mais de 4 mil famílias em relação aos números divulgados para o mês de abril deste ano. Entretanto, a pasta não divulgou novos dados sobre a fila de espera.

Para receber o Auxílio Brasil é necessário ter um cadastro ativo no Cadúnico. Além disso, também é necessário estar em situação de extrema-pobreza, ou seja, ter uma renda per capita que varia entre R$ 0 R$ 105. Quem está em situação de pobreza também tem direito desde que resida com uma gestante ou um menor de 21 anos. Esta é a faixa dos cidadãos que recebem entre R$ 106 e R$ 210 de maneira per capita.

Até quando posso movimentar?

Segundo informações do Ministério da Cidadania, cada cidadão tem o prazo de 120 dias, insto é, quatro meses para movimentar o dinheiro do Auxílio Brasil. A conta se inicia no dia exato do pagamento do benefício para o determinado grupo.

Quem tem NIS final 2, por exemplo, pode mexer no dinheiro da sétima rodada em até 120 dias contando desta quinta-feira (19). De todo modo, é preciso lembrar que o cidadão não é obrigado a gastar todo o dinheiro de uma só vez.

O Ministério da Cidadania explica que o usuário precisa apenas realizar uma simples movimentação. Uma transferência ou um saque já são suficientes para que o Governo Federal entenda que o indivíduo quer a quantia.

Auxílio Brasil sancionado

Na noite desta quarta-feira (18), o presidente Jair Bolsonaro sancionou a Medida Provisória (MP) do Auxílio Brasil. O Congresso Nacional já tinha sancionado o projeto previamente. As mudanças já foram publicadas no Diário Oficial da União (DOU).

Sendo assim, esta MP transforma o chamado Benefício Extraordinário em algo permanente. Assim, a regra que impede que algum cidadão receba menos de R$ 400 por mês deve seguir não apenas até o final deste ano, mas de forma indeterminada.

A MP aprovada pelo Congresso Nacional e sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro não muda os valores do programa. Membros do Parlamento chegaram a cogitar a possibilidade de um aumento para a casa dos R$ 600, mas a ideia não foi concretizada

1/5 - (1 vote)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.