Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4.5/5 - (17 votes)

14º salário 2021/2022: pagamento e novo valores do benefício

O benefício vem enfrentando muitas dificuldades para ser liberado, no entanto, neste final de ano a medida começou a ganhar força.

O 14º salário do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) é uma proposta discutida desde 2020, quando foi criada. O benefício vem enfrentando muitas dificuldades para ser liberado, no entanto, neste final de ano a medida começou a ganhar força.

Veja também: Consignado do INSS tem seu teto de juros ampliado

O Projeto de Lei (PL) 4367/2020, de autoria do deputado Pompeo de Mattos, foi criado com intuito de apoiar os beneficiários da autarquia diante a pandemia decorrente da Covid-19 e da antecipação do calendário do 13º salário em 2020 e 2021.

A expectativa é atender os beneficiários da aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente e auxílio-reclusão, deixando de fora os cidadãos que recebem o BPC (Benefício de Prestação Continuada), pensão mensal vitalícia e o amparo previdenciário por invalidez do trabalhador rural.

Quando o 14º salário será liberado?

O texto original da proposta solicita a liberação do 14º salário nos anos de 2020 e 2021, entretanto, os pagamentos não podem ser efetivados devido ao curto prazo. Neste sentido, uma emenda da Comissão de Finanças e Tributação determinou que os pagamentos do abono devem ocorrer em:

  • Março de 2022 – referente ao repasse de 2020; e
  • Março de 2023 – referente ao repasse de 2021.

Qual o valor do 14º salário?

Além das novas datas para os pagamentos do 14º salário, a Comissão de Finanças e Tributação também definiu os valores a serem repassados. Inicialmente o benefício será concedido com a mesma quantia repassada no 13º salário.

No entanto, prevendo um custo bilionário para o pagamento referente a cada ano, a Comissão determinou que o novo salário extra terá valor máximo equivalente a dois salários mínimos em vigência.

Logo, o segurado que recebe mais de dois pisos nacionais terá o benefício limitado a dois pisos nacionais. Desta forma, o orçamento referente a cada ano fica de R$ 39,26 bilhões em 2022 e de R$ 42,15 bilhões em 2023.

Tramitação da proposta

Até o momento, um dos grandes dilemas quanto a liberação da proposta refere-se aos recursos para o seu financiamento. Todavia, o texto ainda precisa passar por muitas casas até que seja de fato aprovado e implementado.

Atualmente o PL aguarda a análise e votação da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados, sendo ela a última até o encaminhamento ao Senado Federal. Caso receba o aval positivo por parte dos senadores, seguirá para sanção presidencial.

4.5/5 - (17 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

6 Comentários
  1. Gil Diz

    Acho, difícil,sair esse ano daqui a pouco fecha tudo.ai só ano que vem mas vamos ver.

  2. Euzamar Diz

    Rosângela,concordo contigo em gênero número e grau.Se houver outra vida quando partir dessa e voltar quero ser vagabunda.Nao vou trabalhar ,passar a vida ganhando do governo e me aposentar sem fazer nada.Pois é isso que acontece nesse país.Pior que essas pessoas aí da gozam da nossa cara.Nos que passamos a vida servindo a Nação com bons servicos prestados .Sou aposentada e passo dificuldades.

  3. Nivaldo da Hora Diz

    Que país e esse nao consta no mapa do mundo…..????

  4. Nivaldo da Hora Diz

    E complicado esse país nao consta no mapa mundo tdo aqui e conta quem trabalho e contribui eu trabalhei 38 anos e depois de aposentado perdi muitas vantagens e so conseguir pq a justica Federal intercedei na minha questão como confiar num país deste.

  5. Rosângela Diz

    Os aposentados são sacrificados e iludidos além de não receber sobre o piso que pagaram ainda são lesados ,pq tudo q é benefício que pagam p pessoas q nunca pagaram um centavo p INSS bdai dos aposentados não acho justo isso pois os velhos passam necessidade com a merreca que lhes é concedido , milhares de mulheres na hora de fazer filho fazem sem responsabilidade alguma aí o governo cria bolsa disso bolsa daquilo a custa dos aposentados que não tem nada a ver com o assunto, muitos aposentados morrem iludidos que o governo vai olhar por eles,deixo aqui meu protesto,espero que alguém leia e análise.

  6. Celso Diz

    Será que sai esse ano?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.