Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

SP: escolas paulistas não vão exigir comprovante de vacina na volta às aulas

O secretário de Saúde do estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn, informou na última quinta-feira (13) que as escolas não poderão exigir comprovante de vacina contra a covid-19 na volta às aulas. Segundo o secretário, as escolas já são ambientes mais seguros pois funcionários e professores já estão imunizados. 

A vacinação das crianças seira apenas um “dado adicional” de proteção. Nesse sentido, em entrevista à CNN, o secretário afirmou:

“As escolas são cenários de proteção, já que têm distanciamento, distribuição de álcool em gel, obrigatoriedade de uso de máscara e inibição do acesso de qualquer criança ou servidor que apresente mínimos sintomas de resfriado ou covid. A vacinação é um dado a mais [de proteção], um dado adicional”.

Desse modo, as escolas paulistas não poderão exigir o comprovante de vacina para permitir o acesso dos alunos às aulas presenciais. “Nós não condicionamos a volta às aulas ao processo vacinal [contra a covid-19]”, ressaltou o secretário.

Sobre a campanha de vacinação da crianças, Gorinchteyn afirmou que o estado irá priorizar as crianças com comorbidades, pois são mais vulneráveis à doença. O secretário informou ainda que um levantamento encomendado pelo governo aponta que a adesão dos pais à vacinação é de 86% na Grande São Paulo e 84% no estado de São Paulo.

Na capital, as crianças começarão a ser vacinadas na próxima segunda-feira, dia 17 de janeiro. No entanto, a prefeitura estabeleceu a ordem de vacinação por faixa etária e não por comorbidade, como orienta o governo estadual.

E aí? Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Leia também RJ: Rio de Janeiro não vai exigir comprovante de vacina das crianças nas escolas.

Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.