Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Site fora do ar! Cidadãos que precisam devolver o auxílio emergencial são impedidos

Por esse motivo, milhares de cidadãos ficaram sem restituir os valores devido. Segundo os técnicos de sistema, o retorno está previsto para próxima sexta-feira (8), às 18h.

O site do Governo Federal para devolução do auxílio emergencial saiu do ar. Por esse motivo, milhares de cidadãos ficaram sem restituir os valores devido. Segundo os técnicos de sistema, o retorno está previsto para próxima sexta-feira (8), às 18h.

Veja também: NOVO auxílio com valor de R$500 é liberado; veja como receber

Ao acessar o site, a seguinte nota aparece: “Pedimos desculpas pelo inconveniente, mas o sistema está em manutenção. Previsão de retorno amanhã, dia 08/10/2021 às 18:00. Obrigado”. Com isso, a emissão dos boletos para devolução do auxílio está suspensa temporariamente.

Devolução do auxílio emergencial

Cerca de 627 mil pessoas foram notificadas na segunda e terça-feira (4 e 5 de outubro, respectivamente) pelo Ministério da Cidadania, para que o valores pagos indevidamente pelo auxílio emergencial fossem restituídos.

Os avisos foram dados por meio de mensagens de SMS, em que a equipe orientou a devolução voluntária de recursos, denúncia de fraudes ou o pagamento de Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF) do auxílio emergencial.

Em síntese, as mensagens foram enviadas para os cidadãos que, ao declararem o Imposto de Renda geraram DARF para restituição da parcela do auxílio e não efetuaram o pagamento e para os cidadãos que receberam os recursos sem ter direito.

Mensagens de SMS

Para fins de esclarecimento, vale ressaltar que as mensagens possuem o número do CPF dos destinatários. Além disso, o link para redirecionamento tem gov.br. Os números de envio sempre são 28041 ou 28042. Desta forma, fique atento para não cair em golpes.

Como devolver o auxílio emergencial

Os sujeitos que receberam a mensagem relativa às DARFs em aberto, devem realizar o pagamento o quanto antes, ou acessar o link disponibilizado para denunciar a fraude, caso seja a situação.

Já os cidadãos que não possui DARF em aberto, ou seja, que devem devolver os valores do benefício, devem entrar no site do Ministério da Economia (assim que a plataforma for estabilizada) e emitir a GRU.

O documento pode ser pago nos diversos canais de atendimento do Banco do Brasil, ou em outras instituições, caso a opção seja selecionada durante a emissão da guia no sistema.

Pausa nos pagamentos nesta quinta-feira, 7

Nada de pagamentos do auxílio emergencial nesta quinta-feira, 07 de outubro. De acordo com o cronograma de saques do benefício, divulgado pela CAIXA, a 6ª parcela terá uma pausa nos saques hoje. O banco já fez, até agora, a liberação de nada menos que quatro lotes de saques. Ou seja, os nascidos nos meses de janeiro, fevereiro, março e abril já receberam o valor em espécie.

Está confirmado, no entanto, a volta da 6ª parcela na próxima sexta-feira, 08 de outubro. Na ocasião, está confirmado que os nascidos em maio poderão ter acesso aos recursos em espécie. O banco vai liberar o benefício em espécie para os trabalhadores informais inscritos no auxílio via site ou CadÚnico. O depósito para esse grupo aconteceu no dia 25 de setembro.

O valor do benefício esteve disponível para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual ou QR code, pelo aplicativo Caixa Tem. Veja, abaixo, o calendário da 6ª parcela do auxílio emergencial para o público geral:

Veja também: NOVA prorrogação do auxílio emergencial recebe mais um apoio

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

2 Comentários
  1. Maria Luciane de Souza Diz

    Eu quero cando Recebe o PIS

  2. Lisbethfernandz Diz

    Lisbeth Fernández celies Manuel campos. Jesús campos génesis mendoza

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.