Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Salário mínimo deveria ser de R$ 6 mil

Conforme o levantamento do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômico (Dieese), o valor do salário mínimo deveria ser de pelo menos R$ 6 mil. O total estimado como ideal está mais de 5 vezes acima da realidade, já que como publicado no Diário Oficial da União, o salário mínimo de 2022 deve ser de R$ 1.212.

Veja também –  Auxílio Brasil: governo diz ter zerado a fila

O Dieese realiza está estimativa com base numa família de quatro pessoas e pensando em direito básicos estabelecidos pela constituição, como alimentação, moradia, educação, entre outros.

O resultado é negativo não apenas para os mais pobres, mas também para economia num todo. Já que um menor salário mínimo pode significar menos dinheiro e menos consumo.

Outro ponto que chama atenção é que por mais um ano o salário mínimo não teve ganho real, mas sim foi reajustado para cobrir apenas a inflação.

“Na prática, isso significa que as pessoas vão viver pior, vão comprar menos mercadorias. Para a economia do país isso também é ruim, porque significa menos consumo”, afirmou o professor de economia da ESPM Leonardo Trevisan, em entrevista para o jornal da Cultura. 

Em outros governos, o aumento chegou a impactar de fato a renda do brasileiro. Excluindo o governo Bolsonaro e os anos de 2017 e 2018, o salário mínimo teve aumento real desde 2005. Em 2006, na gestão Lula, foi registrado o melhor aumento com 13,04% além da inflação.

A falta de aumento real, de acordo com o Dieese, funcionaria como uma espécie de freio para economia – confira aqui o que esperar para 2022 economicamente falando.

Confira aqui o histórico de reajuste do salário mínimo:

Como dito acima, o aumento real é o valor maior que a inflação. Ou seja, quando dizemos que em 2005 o aumento real foi de 8,23% – este é o percentual para além do aumento dos preços. Veja abaixo o histórico de aumento real do salário-mínimo:

Mês/anoSalário mínimoAumento Real
mai/05 R$                     300,008,23%
abr/06 R$                     350,0013,04%
abr/07 R$                     380,005,10%
mar/08 R$                     415,004,03%
fev/09 R$                     465,005,79%
jan/10 R$                     510,006,02%
jan/11 R$                     545,000,37%
jan/12 R$                     622,007,59%
jan/13 R$                     678,002,64%
jan/14 R$                     724,001,16%
jan/15 R$                     788,002,46%
jan/16 R$                     880,000,36%
jan/17 R$                     937,00-0,10%
jan/18 R$                     954,00-0,25%
jan/19 R$                     998,001,14%
jan/20 R$                 1.045,000%
jan/21 R$                 1.100,000%
jan/22 R$                 1.212,000%

 

Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.