Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Piloto automático: Fuja desse mal e tenha uma carreira bem-sucedida

piloto automático faz parte da vida de todas as pessoas. Ele está presente no trabalho, nos relacionamentos e até mesmo nos momentos de descontração. Trata-se de uma ação do nosso cérebro, que tem o objetivo de poupar energias e fazer com que as nossas decisões sejam tomadas a partir de projeções sobre o futuro ou o reconhecimento de semelhanças com o passado.

Afinal, imagine o quão cansativo seria tomar absolutamente todas as decisões, de maneira pensada e fundamentada, todos os dias? E quando falamos de todas as decisões, estamos falando das mais simples possíveis: que momento levantar da cadeira para ir ao banheiro; quando tomar o gole de água; que roupa vestir; etc.

Seria inviável, não é mesmo? Por isso, apesar de muitas pessoas “demonizarem” o piloto automático, ele é muito importante para a nossa rotina fluir bem. Porém, o problema surge quando grande parte da nossa vida se baseia nele, deixando de lado o nosso presente. E é sobre isso que discutiremos no conteúdo de hoje.

Quais as vantagens e desvantagens de agir no piloto automático?

Como vimos, o piloto automático faz parte da vida de todos nós e possui uma função fundamental. Ou seja, não podemos extingui-lo por completo. Para compreender com mais clareza, veja as vantagens e desvantagens:

  • Vantagens: Poupa energia; facilita as tomadas de decisões simples; otimiza o tempo; ajuda a organizar a nossa rotina.
  • Desvantagens: Em excesso, nos desconecta do presente; faz com que fiquemos pensando muito no passado ou no futuro, gerando ansiedade; impacta os nossos relacionamentos; nos deixa desatentos.

Como sair do piloto automático

Quando o piloto automático acontece de forma excessiva, é preciso pensar em estratégias que visem reverter a situação. Para isso, algumas medidas simples podem ser tomadas. Veja quais são:

1- Exercite a ação de ficar presente

Comece a pensar no aqui e agora. Por exemplo, no momento em que você está lendo este texto, observe a sua roupa, a textura do tecido e a temperatura ambiente. Traga o seu pensamento para o presente!

Quando estiver conversando com alguém, foque bem nas palavras que ela diz. Evite projetar o que virá a seguir e tente se atentar para cada palavra enunciada. Isso fará com que você melhore as suas relações.

2- Entenda as intenções por trás das suas atitudes

Quando você estiver fazendo alguma coisa (qualquer coisa!) tente compreender as suas intenções por trás dessas ações. Você está fazendo porque é obrigado? Está fazendo para acabar logo? Está agindo para ir para a próxima tarefa? Reestruture os seus objetivos e tenha intenções mais saudáveis e sólidas.

3- Preste atenção na sua respiração

Assim como você pode prestar atenção no ambiente, de uma maneira geral, você também pode fugir do piloto automático ao se atentar para a sua respiração. Pratique, nesse caso, a respiração diafragmática  e traga o seu corpo e a sua mente para o presente.

4- Inclua novos hábitos na sua rotina

Procure, sempre que possível, incluir novos hábitos na sua rotina. Busque aprender algo novo e exercite seu cérebro para que ele tenha que aprender e se desenvolver em novos ambientes e situações. Isso evita o piloto automático e ainda engrandece a sua mente. Experimente!

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.