Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

O que fazer quando a equipe está em conflito?

Saber o que fazer quando a equipe está em conflito é uma tarefa e tanto. Tende a ser algo muito árduo, especialmente quando a equipe é muito grande. Mas, o “árduo” não necessariamente é “impossível”, concorda?

Se não é impossível, então podemos pensar em formas de lidar com isso. A seguir, portanto, você poderá saber mais sobre algumas dessas formas.

O que fazer quando a equipe está em conflito?

Vale ressaltar que não existe nenhum tipo de checklist ou “receita pronta” de o que fazer quando a equipe está em conflito. Mas sim, existem boas práticas que tendem a minimizar os efeitos do conflito.

O primordial, no entanto, é não negar a situação. Apenas fingir que nada está acontecendo é algo completamente fora de cogitação – a não ser que você queira gerir mal.

Portanto, aceite a situação e comece a investir em boas maneiras de lidar com isso. Veja:

1- Tente entender o que está acontecendo – ouça todos os lados separadamente

O primeiro passo é entender o que está acontecendo. Não para encontrar o culpado e o mocinho da história, mas sim, para simplesmente estar a par da situação.

A melhor maneira de fazer isso é ouvindo cada um dos envolvidos. Mas ouça separadamente. Tentar encontrar respostas enquanto todos falam e cada um afronta um ao outro, é algo completamente impraticável. Portanto, nada de questionamentos em conjunto!

2- Não tome partido e seja empático

Nunca tome partido e seja sempre imparcial. Claro que haverá situações em que nitidamente será percebido o erro, mas o que queremos dizer é que você não deve simplesmente ficar do lado de quem acertou. Mas sim, deve ouvir a situação para, depois, pensar em estratégias que auxiliem o colaborador “errado” a lidar com a sua falha/equívoco.

Mas nunca, em hipótese alguma, deixe com que os outros envolvidos entendam que você acha que fulano é o culpado e o errado na história.

3- Apresente soluções que sejam pertinentes para ambos os lados

Apresente soluções que podem ajudar todos os membros da equipe. Converse para que sejam mais tolerantes, implemente atividades de votação (quando alguma decisão importante precisar ser tomada), e assim por diante.

Dessa maneira você conseguirá, aos poucos, reequilibrar os ânimos. E isso é uma das melhores coisas para se fazer quando a equipe está em conflito.

4- Nunca procure um culpado para a situação

Como já mencionamos algumas vezes, nunca procure um único culpado para a situação. Mesmo que uma pessoa possa sim ter cometido um erro no trabalho, às vezes isso é só reflexo de uma equipe desconectada. Portanto, nada de apontar o dedo.

5- Ofereça um feedback corretivo quando necessário

Os feedbacks, tanto corretivos quanto positivos, também podem ajudar a lidar com a situação quando a equipe está em conflito. Portanto, ofereça esse tipo de feedback para que todo o time possa sempre, na medida do possível, caminhar em direção a um rumo muito mais equilibrado e qualificado.

Dessa maneira a atmosfera no ambiente de trabalho tenderá a ser mais tranquila.

Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.