Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

O que as escolas podem fazer para promover bem-estar?

Neste artigo nós vamos lhe dar algumas dicas de o que as escolas podem fazer para promover bem-estar para os seus alunos. Nosso intuito é ajudar você na busca por mais qualidade de vida e saúde para as crianças e adolescentes em fase estudantil. Acompanhe para saber mais!

O que as escolas podem fazer para promover bem-estar?

São diversas ações que podem ser postas em prática na hora de promover bem-estar nas escolas. Além disso, essas ações não devem acontecer apenas de maneira pontual, mas sim, devem fazer parte do cotidiano dos alunos e professores.

Sendo assim, considere as nossas dicas abaixo como sugestões que devem ser postas em prática diariamente, a fim de viabilizar mais saúde e bem-estar para os alunos. Veja:

1- Equipando o ambiente para promover mais conforto

O ambiente em que os alunos convivem deve ser confortável e preparado para bem recebê-los. E não estamos falando de luxos, estamos apenas falando de pontos comuns e relativamente simples, mas que são fundamentais:

  • Ambiente limpo e bem arejado;
  • Organização da sala de aula, facilitando na hora de procurar um material em específico;
  • Cadeiras suficientes para todos os alunos;
  • Mesas que comportem os materiais usados em sala de aula;
  • Quadro em bom estado e que permita uma boa leitura;
  • Diminuição de ruídos e poluição visual;
  • Entrada de luz natural na sala de aula.

2- Investindo em campanhas de conscientização

Campanhas de conscientização acerca de saúde e bem-estar também são importantes. Por isso, quando você se perguntar o que as escolas podem fazer para promover bem-estar, pense em:

  • Investir em palestras que enalteçam a importância de uma alimentação saudável;
  • Apostar em rodas de conversa sobre a importância dos exercícios físicos;
  • Investir em aulas e materiais que falem sobre hábitos saudáveis, como boas noites de sono;
  • Estimular a leitura e outras atividades que podem elevar a qualidade de vida dos estudantes;
  • Entre outras possibilidades.

3- Incentivando as conversas sobre as emoções e a saúde mental

Estimular conversas sobre as emoções e a saúde mental também é uma ação que as escolas podem fazer para promover bem-estar. Isso porque nossas emoções podem impactar – e muito – em nossa vida e em nossa saúde de maneira geral.

Assim sendo, é importante abrir um caminho para que os jovens se sintam encorajados na hora de pôr os seus sentimentos e emoções em palavras. Dessa maneira, inclusive, prevenimos as doenças psicossomáticas que, em suma, são as questões emocionais não trabalhadas que “escorregam” para o corpo.

4-Viabilizando um ambiente de diálogo e tolerância

O diálogo também deve operar em um ambiente escolar para criarmos uma atmosfera mais saudável e leve. Assim, os alunos podem falar sobre suas angústias, dúvidas, sonhos, etc.

Além disso, a tolerância também deve ser desenvolvida e estimulada, tendo em vista que, durante as conversas, será notado que alguns alunos terão um ponto de vista, enquanto outros terão um olhar antagonista.

Por isso, é papel dos educadores trabalhar um diálogo saudável e sem suporte na intolerância.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.