Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Como trabalhar saúde e bem-estar na escola?

Trabalhar saúde e bem-estar na escola é praticamente uma regra, afinal, assim estaremos preparando adultos mais saudáveis e equilibrados. Entretanto, como esse trabalho pode ser feito nos ambientes escolares? Quais ações podem ser tomadas nesse sentido?

Para lhe ajudar a responder esses questionamentos, elaboramos este guia com algumas dicas importantes sobre o assunto. Acompanhe para saber mais!

Como trabalhar saúde e bem-estar na escola?

Para trabalhar saúde e bem-estar na escola é preciso estar ciente de que este processo é contínuo. Isto é, os professores e educadores precisam investir em ações cotidianas, que viabilizem mais qualidade de vida e bem-estar para todos os alunos.

Abaixo, portanto, apresentamos algumas dessas ações:

1- Estimulando a alimentação saudável

Estimular a alimentação saudável é um bom ponto de partida para trabalhar saúde e bem-estar na escola. Isso fará com que os alunos fortaleçam a saúde do corpo e, além disso, impactem na saúde da mente/cérebro.

2- Incentivando atividades físicas

Incentivar atividades físicas também é importante. Afinal, sabemos que os exercícios são fundamentais para o mantimento da saúde do nosso organismo. Além disso, são essas atividades que mantêm o nosso corpo mais ativo e com suas devidas funções mais equilibradas.

3- Criando um ambiente de diálogo e acolhimento

Estimular o diálogo também é importante e garante que as crianças e os adolescentes tenham chance de desenvolver mais empatia e equilíbrio emocional. Afinal, a escola precisa demonstrar um espaço de acolhimento para auxiliar os alunos em suas descobertas e angústias cotidianas.

4- Estimulando hobbies e sonhos

Ao estimular hobbies e sonhos você estará fortalecendo a saúde mental dos seus alunos. Isso porque o lazer tem um papel muito importante na vida das pessoas, sendo responsável por diminuir estresse, ansiedade e esgotamento mental.

Além disso, os sonhos estão costumeiramente relacionados aos hobbies, e representam algo importante na vida de qualquer pessoa: pois são capazes de nos colocar em “movimento”.

5- Investindo em atividades de relacionamento interpessoal

Atividades que estimulem as interações entre os colegas também são capazes de trabalhar saúde e bem-estar na escola.

Se pararmos para analisar, somos seres sociais e precisamos das interações com as outras pessoas para crescermos e nos desenvolvermos. Assim sendo, nada mais justo do que ajudar os nossos alunos a criarem laços mais saudáveis e equilibrados, concorda?

Portanto, invista em dinâmicas e atividades que façam com que os alunos desenvolvam a empatia, a comunicação e a interação social.

6- Auxiliando os alunos na compreensão de situações de risco

Apresentar quais são as situações de risco também é importante. Para isso, palestras, rodas de conversa e até mesmo aulas explicativas são fundamentais. Lembre-se de que podemos caracterizar situações de risco aqueles contextos em que os jovens são expostos à drogas; brigas; ações arriscadas no trânsito; alimentação desequilibrada; falta de sono; etc.

Quanto mais informações pertinentes passarmos para os nossos alunos, maiores serão as chances de conseguirmos trabalhar saúde e bem-estar na escola de forma efetiva. Invista nesse olhar mais atento e acolha os seus alunos!

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.