Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

LinkedIn: o que é, como funciona e dicas de como usar

As redes sociais são ótimas alternativas para comunicação, entretenimento e busca profissional. Algumas ferramentas foram criadas principalmente para ajudar quem está em busca de uma vaga de emprego ou uma oportunidade de negócios.

A principal delas é o LinkedIn, que já conta com mais de 400 milhões de membros, se consagrando como a maior plataforma de empregos do mundo. O grande diferencial é que, através dela, é possível interagir e avaliar tanto empresas como profissionais.

Como funciona o LinkedIn?

Para acessar as empresas e profissionais basta apenas criar um perfil no LinkedIn. Nele o candidato deve registrar seus dados pessoais, de contato, informações acadêmicas e demais qualificações. É possível adicionar também um breve resumo de sua trajetória e anexar links para outros sites e publicações externas.

Após completar o cadastro, é preciso criar uma lista de contatos, de pessoas e empresas ligadas ao ramo em que deseja atuar. Esse networking vai fazer toda a diferença na visibilidade do perfil, além de ser uma ótima estratégia para criar novas conexões com os profissionais da mesma área. A plataforma disponibiliza também comunidades nas quais é possível adquirir mais informações e fortalecer a rede de contatos por meio de interações e postagens.

Além disso, o LinkedIn tem outra função bem útil: as recomendações. Por meio dessa rede social, é possível indicar e receber indicações de colegas que já trabalharam em uma dada empresa. Isso contribui para a maior visibilidade do perfil e aumenta as chances de contrato. Nesse sentido, uma dica é colocar palavras chaves que são relevantes na área de atuação para que o perfil seja encontrado com mais facilidade.

Dicas

Para que o seu perfil no LinkedIn seja mais atrativo, escolha uma foto com um nível de formalidade adequado e que leve em consideração o seu meio de trabalho. Nesse sentido, o ideal é dar preferência a um retrato neutro e que reforce sua identidade enquanto profissional.

Além disso, preencha o máximo de sessões e, se possível, crie uma URL personalizada. A plataforma oferece algumas opções de customização que vão ajudar a criar uma identidade visual para o seu perfil.

Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Leia também Citação direta e indireta: como citar de acordo com as regras da ABNT.

Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.