INSS: Segurados com perícia agendada podem enviar atestado e ter benefício concedido mais rápido

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) oferece diversos benefícios para segurados que estão incapacitados de trabalhar devido a problemas de saúde. Um desses benefícios é conhecido como auxílio-doença, que foi renomeado como benefício por incapacidade. Para agilizar o processo de concessão desse benefício, o INSS implementou a possibilidade de solicitar o benefício por meio de análise documental, utilizando o Atestmed. Neste artigo, vamos explicar como funciona esse processo e como os segurados do INSS podem utilizá-lo para obter seus benefícios mais rapidamente.

O que é o Atestmed?

O Atestmed é uma forma de solicitar o benefício por incapacidade do INSS sem a necessidade de agendamento de perícias médicas presenciais. Através da análise documental, o segurado envia os documentos médicos necessários e o INSS faz a avaliação com base nessas informações. Dessa forma, é possível agilizar o processo de concessão do benefício, evitando possíveis atrasos causados pela falta de agendamento de perícias.

Como solicitar o benefício por incapacidade utilizando o Atestmed?

Para solicitar o benefício por incapacidade utilizando o Atestmed, é necessário seguir alguns passos simples. Confira abaixo o passo a passo:

  1. Reúna a documentação necessária: Antes de iniciar o processo de solicitação do benefício, é importante reunir todos os documentos médicos necessários. Esses documentos devem conter informações como o nome completo do requerente, a data de início do repouso e o prazo estimado necessário para a recuperação. Além disso, é necessário que os documentos sejam legíveis, sem rasuras, e que contenham a assinatura do profissional emitente e o carimbo de identificação, com registro do Conselho de Classe.
  2. Envie os documentos para o INSS: Após reunir toda a documentação necessária, é hora de enviar os documentos para o INSS. O envio pode ser feito de forma online, através do site oficial do INSS, ou de forma presencial, em uma agência do INSS.
  3. Aguarde a análise documental: Após o envio dos documentos, o INSS realizará a análise documental para avaliar a concessão do benefício. Durante essa análise, o INSS verificará se os documentos enviados estão de acordo com as exigências legais e se as informações são suficientes para a concessão do benefício.
  4. Receba a resposta do INSS: Após a análise documental, o segurado receberá a resposta do INSS. Caso o benefício seja concedido, o segurado começará a receber os pagamentos mensais do auxílio-doença. Caso o benefício seja negado, o segurado poderá entrar com recurso para tentar reverter a decisão.

Quais são as vantagens do Atestmed?

O uso do Atestmed para solicitar o benefício por incapacidade do INSS oferece diversas vantagens para os segurados. Confira algumas delas:

  • Agilidade no processo: Ao solicitar o benefício por meio de análise documental, é possível agilizar o processo de concessão do benefício, evitando possíveis atrasos causados pela falta de agendamento de perícias presenciais.
  • Maior comodidade: A solicitação do benefício por incapacidade utilizando o Atestmed pode ser feita de forma online, o que proporciona maior comodidade para os segurados, evitando a necessidade de deslocamentos até uma agência do INSS.
  • Flexibilidade geográfica: Não há limitação territorial para utilizar o Atestmed. Ou seja, mesmo que o segurado esteja em uma região distante das agências do INSS, ele poderá solicitar o benefício utilizando a análise documental.
  • Redução do tempo de espera: Com o uso do Atestmed, é possível reduzir o tempo de espera para a concessão do benefício. Isso ocorre porque não é necessário aguardar o agendamento de uma perícia médica presencial para que o benefício seja concedido.

Quais são os requisitos para utilizar?

Para utilizar o Atestmed e solicitar o benefício por incapacidade do INSS, é necessário atender a alguns requisitos. Confira abaixo:

  • Os segurados do INSS que já possuem perícias médicas agendadas podem solicitar o benefício por meio de análise documental utilizando o Atestmed. Nesse caso, a data de entrada do requerimento inicial será mantida, assim como a data previamente agendada para a perícia, caso não haja conformação e indicação de perícia presencial.
  • Não há limitação territorial ou prazo mínimo de espera por agendamento de perícia. Ou seja, qualquer segurado do INSS pode solicitar o benefício utilizando o Atestmed.
  • Os benefícios por incapacidade temporária concedidos por meio do Atestmed, mesmo que de forma não consecutiva, não poderão ter duração superior a 180 dias. Além disso, a documentação médica deve ter sido emitida há menos de 90 dias da Data de Entrada do Requerimento (DER) e deve conter informações como o nome completo do requerente, a data de início do repouso, a assinatura do profissional emitente e carimbo de identificação, com registro do Conselho de Classe, além das informações sobre a doença ou a Classificação Internacional de Doenças (CID).

Ferramenta evita espera por agendamento

A possibilidade de solicitar o benefício por incapacidade do INSS através de análise documental utilizando o Atestmed oferece uma maneira mais ágil e prática para os segurados obterem seus benefícios. Com o uso dessa ferramenta, é possível evitar a espera por agendamento de perícias médicas presenciais, reduzindo o tempo de espera para a concessão do benefício. Além disso, a análise documental proporciona maior comodidade e flexibilidade geográfica aos segurados, permitindo que solicitem o benefício de qualquer região do país. No entanto, é importante ressaltar que o uso do Atestmed está sujeito a requisitos específicos, como a data de emissão dos documentos médicos e a duração máxima do benefício. Portanto, antes de utilizar essa modalidade de solicitação, é essencial verificar se você atende a todos os requisitos estabelecidos pelo INSS.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.