Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

INSS: peritos médicos retomam o trabalho na próxima segunda (23)

Categoria decidiu encerrar a greve que durou mais de 50 dias. Peritos médicos voltam ao trabalho na segunda-feira (23)

Peritos médicos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) decidiram encerrar a greve da categoria, que já durava 53 dias. O anúncio do fim da paralisação aconteceu ainda na última sexta-feira (20) logo depois de uma série de reuniões entre sindicatos e membros do Ministério do Trabalho e da Previdência Social.

Com a decisão, os médicos peritos deverão retomar os trabalhos na próxima segunda-feira (23). Segundo as informações da Associação Nacional dos Médicos Peritos (ANMP), 70% dos trabalhadores que atuam na área paralisaram as atividades há exatamente 53 dias. A partir de segunda-feira, todos eles voltam ao trabalho.

Ainda segundo a ANMP, a decisão de retomar os trabalhos, aconteceu depois que o Governo Federal decidiu atender a todas as 18 reivindicações feitas pelos trabalhadores. O ponto mais famoso era o pedido pelo reajuste salarial. Ficou acordado que o Planalto poderá pagar a mesma taxa de reajuste que resolver repassar para as outras categorias.

Entenda o caso

No final do ano passado, o presidente Jair Bolsonaro (PL) disse em algumas entrevistas que pagaria um reajuste salarial apenas para os trabalhadores da área de segurança do poder executivo. O anúncio acabou gerando uma onda de insatisfação em profissionais de outras categorias, que também começaram a pedir o reajuste.

Entre os profissionais que começaram a exigir o aumento salarial, estão justamente os peritos médicos. Eles decidiram entrar em greve juntamente com os servidores do INSS. Para tentar barrar a crise, o Governo Federal passou a sinalizar que pagaria um aumento de 5% de forma linear, ou seja, para todas as categorias.

Alguns não aceitaram

Parte dos trabalhadores não gostou da ideia de receber um mesmo reajuste neste momento. Eles alegam que a prática poderia diminuir a taxa de aumento dos salários. O Governo sinalizou uma elevação de 5% para todos.

Nesta semana, por exemplo, o Congresso Nacional decidiu convidar o Ministro da Economia, Paulo Guedes, para dar explicações sobre o reajuste. Parlamentares da chamada “bancada da bala” fazem pressão pelo aumento para policiais federais.

Além disso, os servidores do Banco Central (BC) também não parecem ter gostado da sinalização de reajuste de 5% para todos os trabalhadores. Por meio de uma assembleia, eles decidiram seguir com a greve que já dura mais de um mês.

Sindicato dos peritos comemorou fim da greve

Por outro lado, o sindicato dos peritos comemorou a decisão de dar fim ao período de paralisação da classe. Nos últimos dias, pouco mais de 320 mil processos envolvendo perícia médica foram remarcados por cidadãos.

“No atual contexto, foi uma vitória muito grande. Voltamos a ser respeitados e não só isso. O ministério voltou a estar alinhado com a associação depois de um inverno de quase dois anos”, disse Francisco Eduardo Cardoso Alves, vice-presidente da ANMP.

A perícia médica é um passo importante para as pessoas que desejam receber algum tipo de benefício social do INSS. São os casos do auxílio-doença, do auxílio-acidente, da aposentadoria por invalidez e até mesmo do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.