FGTS: quem desistiu do saque em 2020, não terá depósito automático

De acordo com informações do Governo Federal, pessoas que desistiram do saque do FGTS em 2020, terão que realizar solicitação

Os cidadãos que desistiram de receber o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) emergencial em 2020, não terão o depósito automático em 2022. Segundo informações do Governo Federal, os indivíduos que estão nesta situação, precisam realizar uma nova solicitação caso queiram receber o montante neste momento.

Quando liberou o FGTS Emergencial em 2020, o Governo Federal pagou o dinheiro para todas as pessoas que tinham algum tipo de saldo em contas ativas e inativas no Fundo de Garantia. Entretanto, os cidadãos que não queriam receber o dinheiro naquele momento, tiveram a opção de informar a decisão para a Caixa Econômica Federal.

Agora, os cidadãos que optaram pelo não recebimento do dinheiro do benefício em 2020, mas que querem receber o saldo em 2022, precisam enviar uma nova solicitação. O processo pode ser realizado no próprio app da Caixa Econômica Federal sem maiores problemas. O procedimento não dura mais de 5 minutos, em média.

No entanto, o fato é que se esse cidadão não realizar o processo de solicitação, a quantia não será depositada automaticamente. A Caixa Econômica Federal explica que a maioria das pessoas aptas ao recebimento do FGTS este ano recebem o dinheiro de forma automática, mas existem justamente os casos específicos das pessoas que negaram a quantia em 2020.

Entre os indivíduos que demoram para realizar a solicitação, o processo de pagamento se torna um pouco diferente. Imagine, por exemplo, que um cidadão nasceu em janeiro e não recebeu nada. O repasse para este grupo aconteceu no último dia 20 de abril. Neste caso, ele precisa solicitar o dinheiro, mas o saldo não estará disponível automaticamente. Ele precisará esperar pela data da próxima liberação no calendário.

Calendário

De toda forma, o Governo explica que os pagamentos do benefício acontecem sempre respeitando o mês de aniversário de cada cidadão. Como dito, os cidadãos que nasceram no mês de janeiro, por exemplo, já receberam a quantia no dia 20 de abril.

O mesmo vale para os que nasceram em fevereiro. Os pagamentos para este grupo aconteceram ainda no último dia 30 de abril. Segundo a Caixa, os repasses acontecem sempre em um intervalo que varia entre sete e dez dias.

As pessoas que precisam realizar a solicitação do crédito, recebem uma mensagem da própria Caixa afirmando que o depósito acontecerá dentro de alguns dias.” O crédito será realizado no Caixa Tem na próxima janela de processamento”, diz a notificação.

FGTS

Segundo a Caixa, os valores do FGTS podem ser movimentados através do aplicativo Caixa Tem. A regra, aliás, vale tanto para as pessoas que possuem o depósito automático como também para as que precisam solicitar.

Caso o cidadão não tenha uma conta no Caixa Tem, um perfil é criado automaticamente pelo Governo Federal. Basta baixar o app e inserir os dados pessoais exigidos. Não há nenhum custo adicional para a realização do processo.

O cidadão que não quiser receber o dinheiro do FGTS neste momento, pode enviar uma solicitação de não envio do saldo através do próprio app do próprio app oficial. Outra opção é simplesmente não movimentar a quantia.

4.4/5 - (8 votes)
Sem comentários
  1. Leandro Gonçalves da Silva Diz

    Eu posso receber na minha conta poupança sem precisar do caixa têm

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.