Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Como deixar de ser uma pessoa introvertida?

Será que é possível deixar de ser uma pessoa introvertida? Ou ainda, será que é necessário deixar de ser uma pessoa introvertida? Esses questionamentos podem ser um bom ponto de partida para a nossa reflexão de hoje. Esperamos que este conteúdo seja útil para você. Acompanhe-nos!

Como deixar de ser uma pessoa introvertida?

Antes de querer deixar de ser uma pessoa introvertida, pense no porquê você está pesquisando isso. Como a timidez tem afetado a sua vida? Você tem se sentido muito prejudicado por isso, ou apenas as outras pessoas “mandaram” você ser mais extrovertido?

Comece, sempre, pensando no que você quer. E não no que os outros desejam que você seja. A introversão pode, sim, ser prejudicial, mas quando ela não é, não necessariamente ela precisa ser eliminada da vida de alguém.

Afinal, nós devemos sempre buscar a nossa melhor versão, que nos faça bem e felizes. Ou seja, não precisamos nos pautar no ideal alheio, mas sim no nosso próprio. Apenas assim é que seremos realmente realizados e felizes com nós mesmos.

Por isso, entenda as dicas abaixo como um caminho para você que quer ser extrovertido, e não para você que foi mandado ser extrovertido. Continue lendo!

1- Entenda que você não precisa falar com todo mundo ao mesmo tempo

Quando pensamos em como deixar de ser uma pessoa introvertida, o que lhe vem à mente? Você conversando com muitas pessoas em um evento? Pois bem! Saiba que não precisa ser dessa forma.

Você não precisa, simplesmente, conversar com todas as pessoas, de uma hora para outra. E mesmo quando você já se sentir mais confiante nas interações, você ainda não precisará falar com todas as pessoas.

Mas sim, pode focar em uma ou duas em uma festa ou evento, e criar um breve laço com ela. O importante é quebrar barreiras internas, aos poucos, que possam ser pontes para o seu futuro.

2- Pratique a escuta ativa e use as informações alheias como material para conversar

Quando estiver conversando com uma pessoa procure desenvolver a sua escuta ativa. É por meio dela que torna-se possível compreender tudo o que o outro está dizendo.

A escuta ativa ajuda na hora de absorver informações alheias que podem ser usadas para dar continuidade ao assunto. Vamos supor que alguém fala sobre o trabalho que fez em outra cidade, esse “outra cidade” pode ser um bom ponto de partida para você perguntar como é o local…

Lembre-se, no começo você pode focar mais nas perguntas do que nas respostas, a fim de render assunto.

3- Aumente as suas interações sociais gradativamente

Você pode aumentar as suas interações aos poucos. Comece conversando com um estranho no elevador, depois, com o garçom, com o taxista, com uma pessoa ao seu lado em um evento da empresa, etc.

4- Entenda que você não precisa ser a pessoa mais extrovertida do mundo

Por fim, sempre repita dentro de você que não há necessidade alguma de ser a pessoa mais extrovertida do mundo. Você pode, simplesmente, ser uma pessoa mais retraída, mas que sabe interagir em momentos adequados a isso. Simples assim. Sem forçar a barra e sem querer mudar completamente quem você é.

Boa sorte nas suas interações!

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.