Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Conflito entre colaboradores: Como lidar com isso? O que fazer?

conflito entre colaboradores pode ser mais comum do que imaginamos. Seja por conta das emoções muito afloradas, ou simplesmente por falta de consenso, o conflito com um colega de trabalho pode ser desgastante e, no longo prazo, pode impactar no rendimento de toda uma equipe.

Sendo assim, como lidar com esse tipo de problema? De que maneira agir para ter bons resultados e um clima organizacional mais equilibrado? Veja algumas dicas que podem lhe ajudar nesse sentido.

Como evitar o conflito entre colaboradores?

Antes de qualquer coisa, vamos pensar na prevenção do problema? Assim conseguimos criar uma atmosfera mais equilibrada no ambiente de trabalho. Veja como evitar o conflito entre colaboradores:

Trabalhe a comunicação interpessoal

A comunicação interpessoal é uma peça-chave no bom desenvolvimento e relacionamento entre colaboradores. Por isso, se você quer evitar o conflito em sua equipe, ou então, o conflito entre você e seu colega de trabalho, comece a trabalhar a sua comunicação interpessoal.

Preste atenção na forma como você se expressa e use sempre o canal oficial de comunicação da sua empresa. Assim, mantém tudo registrado caso ocorram divergências mais tarde.

Cuidados com o gerenciamento das emoções

As emoções também precisam ser bem gerenciadas. São elas que nos impulsionam a tomar algumas atitudes e, quando elas nos “comandam”, a tendência é que as atitudes tomadas sejam muito intensas e desproporcionais.

Por isso, antes de simplesmente “brigar” com um colega de trabalho, respire fundo e pense em formas de tornar as suas emoções mais equilibradas, buscando o caminho da racionalidade.

Como lidar com um conflito entre colaboradores?

Entendido as formas de evitar o conflito entre colaboradores, veja agora algumas sugestões que podem lhe ajudar a lidar com a situação já instaurada. Acompanhe:

1- Imponha limites saudáveis

Impor limites saudáveis é imprescindível. Embora você não deva deixar a sua emoção falar mais alto, lembre-se de sempre reiterar que existem limites entre você e a outra pessoa. Assim, você pode pedir (com calma) para que ela não se exalte e se recorde das boas práticas na empresa.

Não deixe que o outro “pise” em você, mas também não queira “pisar” no outro. Limites precisam ser bem visíveis.

2- Não ignore a causa do conflito, mas trabalhe-a de maneira equilibrada

Ignorar a causa do conflito não é a melhor forma de lidar com ele. Afinal, o problema poderá ser posto de lado, porém, no longo prazo pode “crescer” e ficar cada vez pior. Por isso, encare o problema o quanto antes, de maneira tranquila e com as emoções bem equilibradas.

3- Cuidado com a culpabilização

Não tente encontrar um culpado. Por mais que o conflito entre colaboradores possa apresentar alguém como o “maior culpado”, esse tipo de pensamento pode cegar você. Afinal, você pode deixar de lado os seus próprios questionamentos e problemas, não se atentando para as atitudes pessoais que possam estar impulsionando o conflito.

Por isso, antes de apontar o dedo a alguém, considere a frase de Freud que diz: “Qual a sua responsabilidade na desordem pela qual você se queixa?”.

4- Pratique o diálogo e converse sobre oportunidades

O diálogo e a conversa franca devem fazer parte da sua rotina. Tente deixar as diferenças de lado durante o conflito entre colaboradores e, em conjunto, procurem estratégias e oportunidades de atender aos dois lados da melhor maneira possível.

Assim, todo mundo acata alguns pontos “negativos” e outros “positivos” e, no longo prazo, usufruem de bons resultados.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.