Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.7/5 - (3 votes)

Como sacar até R$ 1 mil do FGTS? confira

O próximo depósito ocorrerá no dia 30 (sábado) para os trabalhadores nascidos em fevereiro. Os repasses serão realizados até o encerramento no dia 15 de junho, quando os aniversariantes de dezembro terem acesso aos valores.

Já estão em andamento as liberações do saque extraordinário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Até o momento, somente os trabalhadores nascidos em janeiro podem sacar o benefício de até R$ 1 mil.

O próximo depósito ocorrerá no dia 30 (sábado) para os trabalhadores nascidos em fevereiro. Os repasses serão realizados até o encerramento no dia 15 de junho, quando os aniversariantes de dezembro terem acesso aos valores.

Veja o calendário do novo saque do FGTS

Mês de nascimentoRecebem em
Janeiro20 de abril
Fevereiro30 de abril
Março04 de maio
Abril11 de mio
Maio14 de maio
Junho18 de maio
Julho21 de maio
Agosto25 de maio
Setembro28 de maio
Outubro1º de junho
Novembro08 de junho
Dezembro15 de junho

 

Onde estão sendo liberados os valores do FGTS?

Os depósitos dos valores estão acontecendo por meio do aplicativo Caixa Tem, na conta aberta automaticamente em nome do trabalhador pela Caixa Econômica Federal. O valor do resgate é de até R$ 1 mil.

Mesmo que o trabalhador tenha uma quantia considerável em suas contas vinculadas ao fundo de garantia receberá apenas R$ 1 mil. Por outro lado, aqueles que tem um valor inferior, terão acesso a toda quantia disponível.

Quem tem direito ao novo saque do FGTS?

Basicamente, todo trabalhador com saldo disponível em suas contas vinculadas ao FGTS poderão realizar o saque. Isso vale para aqueles que estão desempregados, negativados e empregados domésticos.

Conforme a ordem, será liberado primeiro o saldo nas contas inativas (empregos antigos) do fundo e na sequência serão pagos os valores das contas ativas (empregos atuais), caso o trabalhador esteja empregado.

Onde buscar informações?

  • Aplicativo FGTS;
  • Site do FGTS (fgts.caixa.gov.br);
  • Telefone 4004-0104 (capitais e regiões metropolitanas); e
  • Telefone 0800-1040104 (para as demais regiões).

Como e onde consultar o meu saldo do FGTS?

O trabalhador pode consultar o extrato do seu FGTS tanto pelo aplicativo da Caixa quanto pelo aplicativo do órgão. Veja como a seguir:

  1. Atualize ou baixe o aplicativo FGTS;
  2. Entre no aplicativo e clique em “Continuar”;
  3. Informe seu CPF e vá em “Não sou um robô”;
  4. Feito isto, toque em “Próximo”. Caso o sistema solicite a identificação de imagens, identifique-as e vá em “Verificar”;
  5. Depois disso informe a senha e clique em “Entrar”;
  6. Aparecerá uma mensagem com informações sobre o saque extraordinário do FGTS, clique em “Entendi”;
  7. Na tela inicial, vá em “Saque Extraordinário”, no quadro laranja;
  8. Em seguida aparecerá o quanto estará disponível para você sacar;
  9. Para saber de quais contas o valor está sendo debitado, clique em “Ver contas FGTS liberadas”.

Vale ressaltar que o pagamento é automático para a maioria dos trabalhadores. Todavia, pode haver casos em que será necessário solicitar os valores. Isso ocorre devido à falta de informações no FGTS. Basta regular os dados no próprio aplicativo do órgão.

Como resgatar o dinheiro?

Como os pagamentos estão sendo realizados pelo Caixa Tem, o trabalhador pode movimentar os valores pelo próprio aplicativo. É possível pagar contas e boletos, fazer recarga no celular, comprar de forma online com o cartão de débito virtual, entre outras possibilidades.

Para aqueles que querem ter o dinheiro em mãos, basta realizar o saque pelo aplicativo ou fazer uma transferência de para outra conta bancária de mesma titularidade. Veja como a seguir:

Saque em espécie pelo Caixa Tem

  1. Abra o aplicativo Caixa Tem em seu celular;
  2. Digite seu CPF e senha;
  3. No menu, clique em “Saque sem cartão”;
  4. Na página seguinte, vá em “Gerar código para saque”;
  5. Informe sua senha para que o código seja gerado;
  6. Anote os números, lembrando que tem validade de uma hora;
  7. Vá em um terminal de autoatendimento da Caixa ou nas casas lotéricas;
  8. O saque é realizado sem cartão, então clique no botão “Entra”;
  9. Feito sito, toquem em “Saque Caixa Tem”;
  10. Digite o número do seu CPF e, em seguida, digite o código gerado no aplicativo;
  11. Escolha ou digite um valor para o saque;
  12. Para finalizar, aperte o botão “Entra”. Espere a contagem e liberação das cédulas.

Transferência pelo Caixa Tem

  1. Entre no aplicativo Caixa Tem;
  2. Clique em “Transferir dinheiro”;
  3. Informe os dados da conta em que o dinheiro será enviado;
  4. Para confirmar, digite a sua senha cadastrada na plataforma;
  5. Se quiser, salve o comprovante no celular ou envie por meio de WhatsApp.

Vale ressaltar que há limitação de transferência, sendo de até R$ 600 por operação e de R$ 1.200 por dia.

O saque é obrigatório?

Não. O saque é facultativo ao trabalhador, ou seja, se ele não tiver interesse, pode informar a decisão pelo aplicativo do FGTS ou da Caixa. No entanto, caso o valor seja creditado, é possível pedir o cancelamento até 10 de novembro.

Contudo, se o trabalhador não movimentar o dinheiro disponibilizado até dia 15 de dezembro, o mesmo retornará às contas do Fundo de Garantia devidamente corrigidos.

3.7/5 - (3 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.