Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.9/5 - (14 votes)

CadÚnico: Inscrição pode permitir entrada no Auxílio Brasil e mais 14 programas

Mais de 14 benefícios do Governo Federal necessitam que os seus candidatos estejam cadastrados.

Nos últimos meses a população brasileira passou a dar mais atenção ao Cadastro Único para Programas Social do Governo Federal (CadÚnico). Isso porque, a inscrição no sistema de dados é um dos principais requisitos de entrada no novo programa de transferência de renda, o Auxílio Brasil.

Veja também: Auxílio Emergencial: Saiba como fazer a devolução do benefício

Todavia, não só o Auxílio Brasil é acessado por meio do CadÚnico. Mais de 14 benefícios do Governo Federal necessitam que os seus candidatos estejam cadastrados. No entanto, vale ressaltar que a inscrição não garante a contemplação em nenhum deles, mas apenas a análise.

Conheça 14 programas sociais oferecidos pelo CadÚnico

Projetos que também exigem a inscrição no CadÚnico:

  • Aposentadoria para pessoa de baixa renda;
  • Bolsa Verde – Programa de Apoio à Conservação Ambiental;
  • Carta Social;
  • Carteira do Idoso;
  • Fomento – Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais;
  • Isenção de Taxas em Concursos Públicos;
  • Passe Livre para pessoas com deficiência;
  • Pro Jovem Adolescente;
  • Programa Brasil Carinhoso (consiste na transferência automática de recursos financeiros para custear despesas com manutenção e desenvolvimento da educação infantil);
  • Programa de Cisternas;
  • Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – PETI?;
  • Programa Minha Casa, Minha Vida;
  • Tarifa Social de Energia Elétrica;
  • Telefone Popular.

Regras para se inscrever no CadÚnico

Podem se inscrever no CadÚnico a família que comprovar as seguintes condições:

  • Ter renda per capita mensal de até meio salário mínimo (R$ 550); ou
  • Ter renda bruta mensal de até três salários mínimos (R$ 3.300).
  • Possuir renda maior que três salários mínimos, contanto que o cadastramento esteja vinculado à inclusão em programas sociais nas três esferas do governo;

Para saber como se registrar no banco de dados e quais documentos são necessários, acesse o site do Ministério da Cidadania sobre a inscrição no CadÚnico.

Calendário do Auxílio Brasil

As famílias contempladas recebem os valores conforme o número final do seu NIS (Número de Inscrição Social). Confira as datas de pagamento para o mês de dezembro:

Final do NIS Data de pagamento
1 10 de dezembro
2 13 de dezembro
3 14 de dezembro
4 15 de dezembro
5 16 de dezembro
6 17 de dezembro
7 20 de dezembro
8 21 de dezembro
9 22 de dezembro
0 23 de dezembro

Novos beneficiários e novo valor

O Governo Federal está aguardando a aprovação da PEC dos Precatórios para possibilitar que mais famílias sejam contempladas, além de aumentar o valor do benefício para R$ 400. O texto visa abrir um espaço no teto de gastos da União, possibilitando um investimento no novo programa social.

Caso a proposta seja de fato concedida, cerca de 17 milhões de famílias em situação de pobreza e extrema pobreza terão acesso aos recursos do Auxílio Brasil. Atualmente, apenas as famílias já atendidas pelo Bolsa Família estão recebendo o benefício.

3.9/5 - (14 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.