Black Friday ou Black Fraude? Descubra como identificar promoções enganosas e evitar prejuízos

Para usufruir e assegurar compras vantajosas, é crucial ficar alerta

A Black Friday é aguardada com grande expectativa pelos consumidores ao redor do mundo, mas os fraudadores também sabem como tirar proveito. Este evento anual é marcado por consumidores em busca de descontos atrativos, mas infelizmente, a data ficou conhecida pelos riscos de cair em golpes e fraudes, popularmente denominados “Black Fraude”.

No Brasil, a Black Friday ocorre na última sexta-feira de novembro desde 2010 e abrange uma ampla gama de produtos e serviços em promoção. No entanto, nem todas as ofertas são genuínas, e a desconfiança dos consumidores é compreensível.

Como usufruir da Black Friday e não cair na Black Fraude

Para usufruir da Black Friday e assegurar compras vantajosas, é crucial ficar alerta para anúncios enganosos, táticas de manipulação de preços e sites fraudulentos. Alguns dos golpes mais frequentes durante esse período incluem:

Aumento de preços antes da Black Friday

Alguns comerciantes desonestos elevam os preços dos produtos dias antes do evento, apenas para anunciar descontos que, na realidade, não são tão vantajosos. Assim, para evitar cair nesse golpe, é recomendável comparar preços em diferentes lojas e utilizar sites de comparação, como Buscapé, Jácotei e Zoom.

Alteração de preços no carrinho de compras

A estratégia de pressionar o consumidor com ofertas de tempo limitado é comum durante a Black Friday. Com a contagem regressiva para o término da promoção, os consumidores podem ser levados a verificar o carrinho de compras com pressa, acabando por pagar um valor diferente do anunciado. É crucial manter evidências, como capturas de tela do anúncio original, do carrinho de compras e do comprovante de pagamento, para garantir seus direitos.

Black Friday ou Black Fraude? Descubra como identificar promoções enganosas e evitar prejuízos
Para usufruir e assegurar compras vantajosas, é crucial ficar alerta – Imagem: Canva

Custo de frete superior ao do produto anunciado

Por vezes, o preço do produto é atrativo, mas o valor do frete é excessivo. Alguns comerciantes aumentam as taxas de frete para compensar os descontos concedidos nos produtos. Portanto, é importante ficar atento ao custo do frete e realizar simulações em diferentes sites.

Prazos de entrega prolongados na Black Friday

Mesmo que o preço e o frete sejam atraentes, a demora na entrega pode frustrar a experiência de compra. Verifique os prazos mínimos e máximos de entrega antes de concluir a compra e assegure-se de que atendam às suas necessidades.

Apesar da Black Friday ser uma excelente oportunidade para economizar, é crucial manter a vigilância e a atenção para evitar golpes. Então, certifique-se de comparar preços, verificar a autenticidade dos anúncios e conhecer seus direitos como consumidor. A transparência e a pesquisa são suas maiores aliadas para garantir descontos genuínos e evitar surpresas desagradáveis durante a Black Friday.

O que fazer se notar que caiu em um golpe?

Ao ter um produto adquirido e logo se perceber o oportunismo ou golpe, o consumidor tem o direito de arrependimento. Nesse sentido, o prazo é de até sete dias a partir do recebimento da mercadoria, quando se trata de aquisição por meio de comércio eletrônico, sem a necessidade de apresentar qualquer justificativa.

Após formalizar o pedido, o comprador tem o direito de receber o valor integral pago, incluindo custos adicionais como frete ou taxa de instalação. A devolução do dinheiro deve ser realizada de maneira imediata.

Com o Decreto do Comércio Eletrônico (Decreto Federal nº 7.962/2013), mesmo nas compras realizadas com cartão, o reembolso é obrigatório. No entanto, quando a compra é efetuada em uma loja física, não há previsão legal para o direito de arrependimento, a menos que o produto apresente defeitos ou danos. Portanto, nessa modalidade, é necessário ter convicção no momento da compra.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.