Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Benefícios do INSS terão NOVOS reajustes em 2021; veja como vai ficar

O Governo Federal, por meio do Ministério da Economia, revisou a estimativa do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 2020. Agora, de acordo com a pasta, o valor passou de 2,35% para 4,10%. O indicador é importante, uma vez que o resultado é utilizado para reajustar o valor do salário mínimo.

Sendo assim, caso o índice se confirme, o piso salarial passaria de R$ 1.045 para R$ 1.087,85 em 2021. Ou seja, um aumento de R$42,85.

Anteriormente, em abril, o Governo Federal propôs no Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) que o piso salarial em 2021 seria de R$ 1.079. Acontece que o valor foi levando em consideração o INPC de 3,29%. Esse projeto de lei serve como base para que o governo elabore a proposta orçamentária para o próximo ano.

Em 31 de agosto, quando o Governo enviou a proposta de orçamento para 2021, o Governo Bolsonaro propôs um salário de R$1.067 para 2021, ou seja, deixando o piso nacional sem aumento real pelo segundo ano seguido. O valor de R$ 1.067 leva em conta uma alta de 2,09% do INPC.

O que muda no INSS

Dessa forma, com o aumento salarial, o valor das aposentadorias e pensões pagos pelo INSS vão seguir o valor do salário mínimo.

Seguindo o aumento do salário mínimo previsto para 2021, os benefícios do INSS também serão reajustados com base nesse valor.

Sendo assim, caso o governo siga com a proposta do valor de R$ 1.087,85 para 2021, os atuais 35 milhões de aposentados e pensionistas vão contar com um reajuste de 4,10% em 2021. O teto de pagamentos passaria dos atuais R$ 6.101,06 para R$ 6.351,00.

Outros benefícios também passarão por reajuste

Seguro desemprego: o valor a ser pago leva em consideração o tempo de serviço prestado e também a quantidade de vezes em que o trabalhador já solicitou o benefício. O pagamento pode acontecer em três a cinco parcelas.

Benefício de Prestação Continuada (BPC): No BPC, o valor deverá ter a mesma média do piso nacional, hoje de R$ 1.087,85. O benefício a ser pago é destinado aos deficientes e idosos de baixa renda que comprovam a impossibilidade de trabalhar.

PIS/PASEP: O valor máximo que poderá ser pago é igual ao valor do salário mínimo para quem trabalhou os 12 meses do ano. O valor pago varia de acordo com os meses trabalhados. Tem direito ao benefício quem recebeu dois salários mínimos, em média, por mês, quem está inscrito há cinco anos no programa, dentre outras.

Veja também: NOVA proposta: 14º salário no INSS em 2020; veja como será o pagamento

6 Comentários
  1. Rafael Campos Charleaux Diz

    Pq n liberar o direito de jovens menores de 18 anos, sem assinatura dos pais ( ou responsáveis ) poderem abrir contas e cartão no banco, assim incentivando os jovens e escolas começarem a ensinarem e aprenderem mais sobre ed.financeira. hoje meu sonho é fazer um intercambio e preciso de uma conta no banco. Imagina quantos jovens estariam já registrado no banco por causa de uma lei que n interferir em nd, iria ter um controle muito melhor. Espero que meu pedido para 2021, que é poder fazer sua própria conta sem assinatura de responsáveis, seja lido e se caso for uma ideia incerta que me expliquem pelo menos .

  2. Osvaldo Rodrigues de sousa Diz

    É uma vergonha Que País Este….???
    Arquivaram a Desaposentacao e ninguém fala nem na Propaganda Politica….

  3. Efigenio carvalho Diz

    Um aposentado ganhando um salário mínimo e um político ganhando 35 salário mínimo isso sim é um absurdo o dia que abaixar o salário dos políticos e diminuir os deputados e senador na minha opinião seria um presidente e 20 senador e 50 deputado e concurso público de graça e faculdade de graça aí sim não teriam mais analfabeto eu estou com 71 anos o meu sonho era ser um advogado mais parei no quarto período e nunca mais pude ser terminar a faculdade eu estou decepcionado com todos os nossos governantes é duro dizer isto mas é a realidade do meu pais que tanto amo Brási.

  4. Valdecir de Souza Diz

    E os aposentados por invalidez, toda vez almentar o mínimo 4 a 5 % e aposentados e pensionistas sobe 2% só defasado o nosso e daí como fica o nosso almento

  5. V Diz

    Estão brincando com os aposentados, um aumento de 40,00 deveria ser dado para os políticos para eles sentirem na pele o que nos aposentados sentimos na hora de ir ao mercado, sem dizer que muitos moram debaixo de ponte pois com 1.045,00 não dá para pensar em viver muito menos pensar em comer. Atenção senhores políticos pensem um pouco sobre a situação do aposentado, vocês deveriam estipular um salário mínimo para quem não contribuiu com o INSS , um salário referenciado para quem sempre contribuiu e DIMINUIR O SALÁRIO DOS POLÍTICOS PELA METADE POIS ESTÃO TIRANDO DO POBRE PARA MANTER MORDOMIA DE QUEM NÃO PRECISA .

  6. Wilton Diz

    Desse ordinário a gente não pode esperar nada a não ser a fome e a morte governo ladrão

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.