Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.6/5 - (7 votes)

Auxílio Permanente de R$ 1.200 com pagamentos em 2022

O texto visa garantir uma renda fixa no valor de R$ 1.200 para as mães provedoras do lar, também chamadas de famílias monoparentais. No entanto, não é possível afirmar que será aprovado e liberado este ano.

Milhões de mães solteiras que cuidam dos seus filhos sozinhas aguardam, desde 2020, a liberação do Auxílio Permanente no valor de R$ 1.200 por mês. A proposta foi criada pelo ex-deputado Assis Carvalho e está na Câmara dos Deputados desde então.

O texto visa garantir uma renda fixa no valor de R$ 1.200 para as mães provedoras do lar, também chamadas de famílias monoparentais. No entanto, não é possível afirmar que será aprovado e liberado este ano.

Quem receberá o Auxílio Permanente de R$ 1.200?

De acordo com o Projeto de Lei, o benefício será repassado as mulheres chefes de família, que não possuem cônjuge ou companheiro e tem sob sua tutela ao menos uma pessoa menor de 18 anos no grupo familiar.

Além disso, o auxílio só será concedido às mães de baixa renda inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Confira os demais critérios a seguir:

  • Ser maior de idade (18 anos);
  • Não estar trabalhando com a carteira assinada;
  • Não ser titular de benefício previdenciário ou assistencial ou beneficiário do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal;
  • Possuir renda familiar mensal per capita de até meio salário mínimo (R$ 606,00) ou renda familiar mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.636,00);
  • Estar inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal;
  • e que seja:
  • Microempreendedora individual (MEI);
  • Contribuinte individual do Regime Geral de Previdência Social que contribua na forma do caput ou do inciso I do § 2º do art. 21 da Lei nº 8.212, de 24 de julho de 1991; ou
  • Trabalhadora informal, empregada, autônoma ou desempregada, de qualquer natureza, inclusive a intermitente inativa.

Mas afinal, o benefício de R$ 1.200 será liberado ou não?

Até o momento, tudo indica que não. Mesmo que o texto seja movimentado e aprovado pelas casas responsáveis ainda este ano, o fator “eleições” impedirá a concessão da proposta. Por lei, nem uma medida social pode ser criada no período eleitoral.

Logo, não há possibilidade de o benefício ser aprovado e pago no decorrer deste ano. Contudo, é preciso levar em consideração que quanto mais o tempo passa, mais o tema acaba entrando no esquecimento dos parlamentares.

Diante disso, é recomendado que as mulheres que ainda esperam pelo benefício não criem expectativas, pois é possível que o auxílio não seja liberado mesmo no próximo ano.

3.6/5 - (7 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

5 Comentários
  1. Andreia Diz

    Eu preciso muito porque tou sozinha com meus filhos e tou gravida de 6. Meses.
    Meu ex foi embora me deixou gravida e com mas três filhos como eu gostaria de ganhar 1200 mil e duzento pra ajuda a. Mi e meus filhos.deus é fiel

  2. Elidener Diz

    De um País corrupto onde não tem mizericordia dos pobres ,Só espara engano mesmo,Sou mãe de família 48 anos estou com 5 ernia de disco na coluna, Vivo com muitas dores me sinto incapaz de trabalhar,Choro todos os dias pq só tenho esse benefício de 400 reais só Deus para pegar água luz e se alimentar com minha criança de 12anos, Niguem quer ajudar. Ninguém,E triste sofro com depressão não me alusentam , Deus um dia vai pegar vocês corruptos

  3. Elizangela Diz

    Como solteira é um sonho meu amor muito tempo ter uma casa própria para criar os meus filhos mas no tempo de hoje está mais difícil de adquirir Hoje ele só aprova quem ganha dois salário mínimo mal a gente recebe um salário não dá nem para sustentar a própria família com esses Absurdos de aumento é que a gente nunca vai conseguir mesmo então ele só tão dando Privilégio para os riquinhos mesmo que tem mansões e compra as casas mais cedo ou de aluguel para nós que precisa de uma casa própria e não temos condições de pagar

  4. Luisana de Jesús Chacoa Diz

    Séria una gran oportunidad para mi familia de tener un hogar propio

  5. Elaine o souza Diz

    Se essa mera não vai sair porque iludem o povo falam que vai sair em tal data e agora fala que não vai parem de enganar o povo vcs não tem o que fazer vai lavar uma louca varrer a casa que saco só iludem o povo que Brasil e esse afff

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.