Novo modelo de CNH começa a valer em junho

A partir do dia 1º de junho começa a valer a nova Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Mesmo que esteja trazendo várias mudanças, os motoristas não são obrigados a trocar o documento imediatamente. A implementação ocorrerá aos poucos.

A partir do dia 1º de junho começa a valer a nova Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Mesmo que esteja trazendo várias mudanças, os motoristas não são obrigados a trocar o documento imediatamente. A implementação ocorrerá aos poucos.

O que mudará na nova CNH?

Dentre as mudanças no novo documento, haverá alteração das cores, que será predominantemente amarela e verde, além de trazer novas informações a fim de aproxima-la de um modelo mais internacional.

A nova CNH também terá a indicação de novas letras para as categorias e para caracterizar o documento, sendo a letra P para a Permissão para Dirigir, e a letra D, para os motoristas com o documento definitivo.

A carteira também terá a sigla BR no lugar do estado de emissão. Além disso, o documento pode ser impresso na língua portuguesa, no inglês e francês, para permitir o uso do documento pelos condutores em outros países.

Contudo, será incorporado o código internacional utilizado nos passaportes. Ele permitirá que os condutores embarquem em terminais de autoatendimento dos aeroportos apresentando apenas a CNH.

Novas categorias

Desde que as mudanças foram divulgadas, a que mais chama a atenção dos motoristas é a classificação de veículos da CNH em 14 diferentes categorias. No verso do documento haverá pequenos desenhos simbolizando os tipos de veículos que o condutor pode dirigir, as letras e a combinação seguida pelo número 1.

A intenção é que classificação tenha um padrão europeu, que há uma divisão para condutores de pessoas e de cargas. Neste sentido, a letra D será para transporte de passageiros, C para transporte de carga e E para articulados. Desta forma, quando combinados, essas letras determinam quais os tipos de veículo o motorista pode dirigir.

Vou precisar trocar minha CNH?

A troca do documento atual pelo novo não ocorrerá simplesmente pelo fato das mudanças. O novo modelo será implementado de forma gradativa, através das seguintes situações:

  • Renovação da CNH;
  • Inclusão de uma categoria;
  • Troca devido a algum erro entre os dados impressos;
  • Solicitação da segunda via do documento.

Sendo assim, os condutores que tirarem a primeira habilitação após o mês de junho ou ainda for reabilitado já receberá a CNH no novo modelo.

Contudo, no que se refere a validade do documento e pontuação, seguem inalterados. Veja como funciona:

Validade da CNH

10 anosPara condutores até 49 anos
5 anosPara condutores de 50 a 69 anos
3 anosPara condutores com 70 anos ou mais

 

Critérios de pontuação na CNH

Limite de 40 pontosO motorista só pode chegar nesta pontuação se não houver nenhuma infração gravíssima
Limite de 30 pontosO motorista pode ter apenas uma infração gravíssima
Limite de 20 pontosO limite é o mesmo do atual se o condutor tiver duas ou mais infrações gravíssimas
Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.