Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.6/5 - (48 votes)

Auxílio emergencial tem novo lote liberado via CAIXA

O benefício será destinado aos cidadãos que tiveram sua contestação aprovada acerca do pagamento da sétima e última parcela do programa.

O Ministério da Cidadania, por meio da Secretaria Nacional do Cadastro Único (SECAD), faz saber aos interessados a abertura de um novo lote do Auxílio Emergencial. Os contemplados já podem ter acesso aos recursos.

Veja também: Vale-gás: todo mundo que está no Auxílio Brasil vai entrar no programa?

O benefício em questão será liberado para os usuários que tiveram sua contestação aprovada acerca do pagamento da sétima e última parcela do programa. Dessa forma, os beneficiários receberão valores retroativos do auxílio emergencial.

De acordo com informações da SECAD, mais de 20 mil segurados que realizaram o pedido de contestação tiveram os seus dados analisados pelo governo. Do total, somente 11.279 foram considerados elegíveis para o recebimento das parcelas retroativas.

Vale ressaltar que após o processamento desse novo lote, não haverá mais possibilidade de contestação do benefício. A Dataprev já liberou as consultas para os cidadãos verificarem a sua situação com relação a este pagamento.

Para isso, basta acessar o site Consulta Auxílio Emergencial, informando o número do CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento. Mesmo com o encerramento do programa, as informações continuam disponíveis.

O Auxílio Emergencial será prorrogado?

Vale salientar que para tornar a prorrogação do coronavoucher possível algumas expectativas do Governo Federal precisam ser anuladas, a destacar a aprovação da PEC dos Precatórios. A medida visa criar espaço no Orçamento da União de 2022 liberando recursos para o financiamento do Auxílio Brasil.

O novo programa social está substituindo o Bolsa Família. Com o dinheiro dos precatórios será posssível que o presidente da república, Jair Bolsonaro, cumpra sua promessa de viabilizar mensalidades médias no valor de R$ 400 para cerca de 17 milhões de famílias em situação de vulnerabilidade.

Diante disso, somente se os planos para o Auxílio Brasil derem errado, o Governo deverá editar uma nova Medida Provisória para liberar mais uma rodada do Auxílio Emergencial. Todavia, apoiadores de Bolsonaro pressionam o chefe do Executivo a conceder uma nova prorrogação.

Isso porque, 2022 é ano eleitoral e o presidente da república pode ser mal visto considerando as mais de 20 milhões de pessoas desamparadas economicamente. Contudo, para saber mais sobre esse caso é preciso estar atendo as informações das próximas semanas.

3.6/5 - (48 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

8 Comentários
  1. Claudia Cristina zanatta Diz

    Eu estou precisando do auxílio,tenho filha pequena ,estou desempregada e cuido da minha mãe obrigado

  2. Edson José Viana Diz

    Aqui tem muita gente que não precisa de nada quem é ambulante da pra tirar um dinheiro bom é só não gastar em cigarros drogas e cervejas guarda dinheiro vai da sim

  3. Miriam martins veloso Diz

    Também preciso do auxílio pois não consegui mais trabalho estava trabalhando quando veio a pandemia é fechou o restaurante onde eu trabalhava arrescem eu tinha arrumado emprego .faz muita falta. DEUS ABENÇOE A TODOS.

  4. Diana novais Diz

    Eu nao trabalho tenho 2 filhos e nao tenho beneficio

  5. Roberto Godoi Diz

    Estou pagando o antônimo más eu só bico de pedreiro

  6. Roberto Godoi Diz

    Eu sou autônomo e trabalho de pedreiro mas é isso aí só biquinho

  7. Valdivino Cardoso Da silva Diz

    Trabalho como vendedor ambulante minha renda é menos de mil reais por mês preciso muito desse auxílio

  8. Natanael Silva Ribeiro Diz

    Eu no meu caso todos nós devemos receber somos umanos

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.