Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4/5 - (16 votes)

Auxílio Emergencial: Saiba se você poderá receber em 2022

O programa foi encerrado oficialmente em outubro do ano passado, mas seguirá com novos pagamentos nos próximos meses.

O Governo Federal vai liberar uma nova rodada do Auxílio Emergencial ainda em 2021. O programa foi encerrado oficialmente em outubro do ano passado, mas seguirá com novos pagamentos nos próximos meses.

Todavia, vale ressaltar que as novas parcelas não são referentes a uma prorrogação. Elas serão repassadas de forma retroativa aos beneficiários que contestaram o bloqueio do benefício e tiveram o seu pedido aprovado.

Veja também: Lote extra do auxílio emergencial é liberado para 1,2 milhão de pessoas

Segundo a Secretaria Nacional do Cadastro Único (Secad), cerca de 11,2 mil pessoas serão beneficiadas com os novos valores. Entretanto, cerca 20 mil fizeram a contestação no total.

Neste caso, os cidadãos que não foram contemplados permanecerão sem amparo, uma vez que os atuais processamentos serão os últimos e não haverá mais possibilidades de requerer o benefício.

Como saber se fui contemplado?

A Dataprev já liberou a consulta para os indivíduos que terão direito à nova rodada do Auxílio Emergencial. Para verificar as informações, basta acessar a página Consulta Auxílio Emergencial e informar os seguintes dados:

  • CPF (Cadastro da Pessoa Física);
  • Nome Completo;
  • Nome da mãe;
  • Data de nascimento.

No que se refere ao valor que os contemplados receberão, será variado conforme o período em que a conta bloqueada indevidamente. O Auxílio Emergencial passou por momentos diferentes no decorrer da sua vigência.

Novo pagamento do Auxílio Emergencial

O PL 43/21, solicita a liberação de um crédito especial de R$ 2,8 bilhões. Caso seja aprovado, os recursos bancarão uma nova rodada do Auxílio Emergencial. Entretanto, o pagamento será exclusivo para pais solteiros chefes de famílias monoparentais.

O texto recebeu parecer favorável da Comissão Mista de Orçamento da Câmara dos Deputados, mais ainda precisa passar por outras comissões e pelo Senado para passar a valer. Em suma, o novo benefício será de:

  • R$ 600 para pais que receberam o auxílio de R$ 600 em 2020;
  • R$ 1.200 para pais que não receberam os R$ 600 em 2020.

Conforme as informações do documento, cerca de 1,2 milhão de famílias serão contempladas com a nova cota do Auxílio Emergencial. No entanto, para receber os recursos é necessário estar inscritas no CadÚnico e ter ao menos um membro menor de 18 anos.

4/5 - (16 votes)
27 Comentários
  1. Silvania silva Diz

    Preciso muito não eu muitos brasileiro precisa
    da ajuda gorveno sou mãe de familia crio meus filho sozinha estou desenpredada

  2. Alex de Lima Porciuncula Diz

    Eu estou precisando Muito do auxílio emergencial eu estou esperando este pagamento dessa parcela desde o ano passado eu estou desempregado !

  3. Josilane Braga Rodrigues Freitas Diz

    Eu preciso muito estou desempregada.

  4. Cíntia Santos Silva Diz

    Bom dia! Eu tbm preciso muito tem 6 filhos e não tenho trabalho e o custo de vida tá muito caro. Hj msm por exemplo não tenho nem um grão de arroz nem feijão para colocar no fogo

  5. Janete Terezinha da Silva Gamarra Diz

    Eu preciso muito

  6. Cleusa Diz

    Eu preciso do auxílio emergencial estou desempregada

  7. Geni Tenório Diz

    Sou mãe de família
    Estou desempregada e doente tenho um problema na vista e não consigo emprego sou separada e cuidado dos meus filhos sozinha não tenho benefício nenhum já né escrevi e nada vejo que não tenho benefício nenhum e já corri atrás e não consigo nada de nada

  8. Sônia Diz

    Sabe o que mais…eles só enrolam a gente igual ao décimo quarto já estamos esperando a quase. 2 anos

  9. Irma Maria de Sousa Diz

    Sou cotureira, inscrita no MEI, não consigo mais costurar, preciso mto deste auxílio, tenho problemas serio de visão

  10. Eduardo Diz

    Essas reportagens vem com Uma notícias que é uma furada sou pai solteiro e como vocês disseram fui no site do ministério da cidadania e só tem a informação do último auxílio de 150 reais recebido e mais nenhuma informação de como saber e eu vou receber o retroativo de 600 reais

  11. Ester Maiane Vieira Silva Diz

    Não tem como saber se agente tem direito nessa cota extra? Pq vc coloca os dados só sai às parcelas que vc já recebeu.

  12. Solange Rodrigues Diz

    Estou desempregada. E doente. Preciso me alimentar

  13. Solange Rodrigues Diz

    Eu necessito muito pois me ajuda muito para comprar algum alimento para mim e para casa

  14. Virginia Teles Diz

    Vivo de ajuda familiar para compra de alimentos e remédios por ter doença crônica. Recebi o auxílio e agora estou sem nada. O que fazer meu Deus???

  15. Janderlayne De Souza tavares Diz

    Fiz minha contestacae e fui aprovada pela dpu.. Nao recebi nada. Nem uma pacela

  16. GLAUCIA Diz

    Meu auxilio foi bloqueado indevidamente ,alegando CPF irregular. Mas ele está regular e a dataprev não viu isso nas varreduras mensais. E pelo site não me deram nem a oportunidade de contestar .sou mãe solteira ,estou desempregada. Achei muito falho para com o cidadão q precisa de ajuda .

  17. Denise Lebeis Pires Botelho Diz

    Eu preciso muito! Estou desempregada!!

  18. Joselma Diz

    Boa noite .eu sou mãe solteira .recebie só 600reais .fiz a contestação e aguardo .faz um ano e nunca saiu o resultado .poderia sair p nois k recebemos desigual

  19. Rosicleide da Conceição Calixto Diz

    Eu preciso

  20. Renato Pereira Paz Diz

    Não consigo fazer a consulta desse áudio retroativo , eu tenho um filho menor e tenho a guada dele e ele está no meu CAD Único …
    Vou no site da Dataprev e só mostra os pagamentos antigo , mas esse retroativo não

  21. Margarida Izabel de Campos Diz

    Eu preciso muito to desempregada

  22. Danielle da Silva Diz

    Sou mãe solteira 3 filhos .Tenho o bolsa família meu auxílio caiu automático na minha conta Eu estava recebendo uma idenização que não tem nada a ver com o auxílio. E agora a receita está me cobrando a devolução do auxílio. Estou sem chão. Sem condições. Pois estou desempregada. É justo eles ajudarem e depois puxar o tapete desse jeito

  23. Danielle da Silva Diz

    Sou mãe solteira 3 filhos .Tenho o bolsa família meu auxílio caiu automático na minha conta sem eu precisar fazer cadastro. Eu estava recebendo uma idenização que não tem nada a ver com o auxílio. E agora a receita está me cobrando a devolução do auxílio. Estou sem chão. Sem condições. Pois estou desempregada. É justo eles ajudarem e depois puxar o tapete desse jeito

  24. Marleide Fernandes Diz

    Eu preciso muito desse benefício sou de estrema probreza.

  25. Cesar Ferreira da Silva Diz

    Estou Desempregado preciso muito desse Auxílio

  26. Sueli Diz

    Eu preciso

  27. Luiz Henrique Fonseca Assuncao Diz

    Eu quero

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.