Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Auxílio Brasil: Veja o calendário de pagamentos de 2022

O Auxílio Brasil será o programa que substituirá o Bolsa Família e a partir do dia 18 de janeiro, os seus pagamentos vão se iniciar para quem estiver apto a receber o benefício social.

O calendário com todas as datas de pagamento de 2022 já havia sido divulgado no dia 30 de dezembro de 2021, através do Diário Oficial da União. E para conferir em que dia o benefício vai ficar disponível para saque ou crédito na sua conta bancária, se deve ficar atento ao último dígito do Número de Identificação Social (NIS), impresso no cartão.

As parcelas mensais apenas ficam disponíveis para saques após 120 dias depois da data que consta no calendário. Os beneficiários podem conferir no extrato o seu pagamento, que constará a mensagem de “Auxilio Brasil”, além do valor total do benefício.

Após 18 anos, Bolsa Família é substituído pelo Auxílio Brasil

Os pagamentos do Auxílio Brasil haviam sido iniciados ainda em novembro de 2021, no dia 17 de novembro, justamente o dia em que o Governo Federal liberou a última parcela para quem recebeu o Auxílio Emergencial, que teve durante vários meses de 2020 e 2021 pagamentos para amenizar os impactos da pandemia de Covid-19.

No último mês, o Governo Federal definiu que os pagamentos do Auxilio Brasil para todos os beneficiários teriam o valor fixo de R$ 400. A confirmação aconteceu após o Presidente Jair Bolsonaro prorrogar até dezembro de 2022 o “Benefício Extraordinário”, que assegura que o programa de transferência de renda não pode enviar menos de R$ 400 para as famílias cadastradas.

Benefícios serão pagos através de uma conta poupança social

Os benefícios vão ser pagos através de uma conta poupança social, além da possibilidade de receber o dinheiro através de uma conta-corrente. Para quem já estiver inscrito no Cadastro Único, que é o programa para benefícios sociais do Governo Federal, vai poder abrir de forma automática uma conta social digital, no formato de poupança.

Também foi divulgado pelo Governo Federal o número total de beneficiários e que serão atendidas até 14,5 milhões de famílias. O Ministério da Cidadania também relatou na última semana que o Auxílio Brasil vai ser estendido ao longo do ano.

Através de uma nota, o Ministério da Cidadania informou que a PEC dos Precatórios conseguiu incluir mais 2,7 milhões de famílias na lista de pagamentos, desta forma fazendo com que o número de pessoas atendidas possa chegar a 18 milhões de famílias.

Bolsonaro realizou alguns vetos antes de sancionar o Auxílio Brasil

Todavia, o Presidente Jair Bolsonaro fez alguns vetos antes de sancionar o Auxílio Brasil, como proibir a fila de espera para ter acesso ao programa. De acordo com a pasta, a justificativa foi de que todos devem se enquadrar nas regras a partir de agora.

Uma possível ampliação no número de beneficiários do Auxílio Brasil precisaria depender do orçamento que estará disponível para os próximos meses, sendo que o Governo Federal segue reiterando o seu compromisso com a parte fiscal.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

1 comentário
  1. Vera lucia coelho de campos leite diniz Diz

    Eu crio o julio que tem 12 anos sou avo dele não consegui pegar auxilio sou casada no papel mais vivo separada ele pegou e eu nao

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.