Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.7/5 - (3 votes)

Auxílio Brasil: se eu não for selecionado, terei outra chance depois?

Muita gente está preocupado com a possibilidade de não ser selecionado para o Auxílio Brasil no próximo mês de janeiro

O Governo Federal começou nesta última semana os pagamentos da segunda rodada do seu Auxílio Brasil. Neste mês de dezembro o dinheiro segue indo apenas para as pessoas que estavam dentro do Bolsa Família até o último mês de outubro. Na prática isso quer dizer que ninguém mais além deles conseguiu entrar no benefício.

O Palácio do Planalto ainda não desistiu de inserir mais gente no programa. Mas agora a promessa ganhou uma nova data. Eles querem fazer isso a partir do próximo mês de janeiro. A expectativa deles é inserir cerca de 2,4 milhões de novos usuários neste projeto social. E isso está criando muita expectativa em muita gente.

Acontece que com esse quantitativo, dá para dizer que não tem vaga para todo mundo que precisa. Certamente, algumas pessoas que cumprem todas as regras de entrada no projeto acabarão ficando de fora do benefício. Por isso, muitos cidadãos estão com medo do que pode acontecer a partir do próximo ano.

Aí fica a questão: o que acontece com quem não for selecionado? Essas pessoas terão uma nova chance depois? De acordo com o Governo Federal, a resposta é sim. Segundo eles, esses cidadãos que não conseguirem entrar no programa nessa leva do mês de janeiro poderão continuar tentando entrar nos meses seguintes.

Isso vai acontecer porque o Auxílio Brasil é uma espécie de programa fluido. Assim como o antigo Bolsa Família, ele deverá fazer novas inserções de público todos os meses. Então quem não entrar em janeiro poderá entrar em fevereiro, março, ou abril, por exemplo. Não há nenhum impedimento quanto a isso.

O contrário também é verdadeiro

Do mesmo modo que algumas pessoas sempre irão conseguir entrar no projeto todos os meses, alguns outros acabarão saindo. É que em alguns casos, alguns usuários deixam de cumprir as regras básicas do programa.

Isso, aliás, já está acontecendo agora. Alguns beneficiários perderam o direito de receber o Auxílio Brasil entre os meses de outubro e novembro e entre novembro e dezembro também. Situações assim serão cada vez mais comuns em 2022.

Ainda não está confirmado

Vale lembrar, no entanto, que a entrada de novas pessoas no Auxílio Brasil para janeiro de 2022 ainda não está oficialmente confirmada. Não há nenhum ofício ou documento que confirme essa informação até este momento.

De qualquer forma, de acordo com informações de bastidores, é muito provável que isso aconteça. Isso porque a PEC dos Precatórios já foi promulgada pelo Congresso Nacional e o Governo já pode confirmar a abertura de espaço no orçamento para o ano de 2022.

Auxílio Brasil já paga R$ 400

O número de usuários só deve subir no próximo mês de janeiro, mas os valores do programa já estão turbinados agora em dezembro. De acordo com o Governo Federal, ninguém está recebendo menos do que R$ 400.

Para janeiro, aliás, eles estão prometendo pagar ainda os valores retroativos para as pessoas que acabaram recebendo menos do que R$ 400 em novembro. Ainda não há, no entanto, uma confirmação oficial sobre essa data.

3.7/5 - (3 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

6 Comentários
  1. Marlize Diz

    Oração para alcançar uma graça imediata
    A oração a seguir é um pedido de intercessão para vários santos católicos. Cada um, do alto de sua bondade, compaixão e poder, podem lhe auxiliar com a sua necessidade. Veja.

    “Ó Nossa Senhora Aparecida, Mãe Querida. Ó Santa Rita de Cassia, dos casos impossíveis. Ó São Judas Tadeu, dos casos desesperados. Ó Santa Edwiges, socorro dos endividados. Ó Santo Expedito, dos aflitos e da última hora. Vós que conheceis meu coração angustiado, intercedei junto ao Pai nesta minha grande necessidade: (Pedir a Graça).

    Eu vos glorifico e vos louvo. Sempre curvar- me – ei diante de vós. Confio em Deus, com todas as minhas forças, e peço que Ele ilumine o meu caminho e a minha vida ! Amém.”

    Rezar o Pai Nosso, a Ave Maria e o Glória ao Pai.
    Atenção: Reze por 03 dias seguidos e propague essa oração. Observe o que acontece a partir do 4º dia.

  2. Gilvania Diz

    Ao invés do aumento para os que já recebem bolsa ,receberam tem o auxilio,deveriam dividir com os que esperam e fazer o complemento depois da inclusão ..mesmo que aos poucos. E injusto ..muita gente esperando a anos na fila

  3. Greice Diz

    Estou desempregada há anos e não consigo emprego, mesmo sendo graduada. Moro com mãe e tia assalariadas. Recebi todo meu auxílio emergencial e não entendo, pois me enquadro nas regras e não recebi meu Auxílio Brasil. No entanto, pessoas receberam o auxílio sem precisar, e outros que precisaram, não receberam nada até hoje. É mais justo dar a quem mais precisa como eu e outros.

  4. Nilton Santos Diz

    Pelo amor de Deus. Quem escreve essas matérias tem ciência do impacto confuso que a Manchete causa na cabeça das pessoas? Não é uma questão de chance, é uma questão de “atende ou não aos critérios”… Se a família atender os critérios estabelecidos no Decreto 10.842, de 08 de Novembro de 2021, será avaliada sim para possível recebimento, porém há limitações de quotas por município, e não uma seleção ordem de chegada… E isso independe de ser agora ou no próximo. Caso a realidade familiar mude, basta atualizar o Cadunico para uma nova avaliação.

  5. Arary Celes Diz

    Eu sou informal sempre trabalhei por conta própria dos 8 anos de idade até 2019.
    Pra mim não interessa o dinheiro do meu
    esposo. Meu é meu . Tenho bloqueou no ramo direito do coração, ritimia cardiacar nervo. A pior coisa de uma mulher é está dependendo de marido é terrível, por favor ajuda-me. Obrigada

  6. Magali Diz

    Mas às pessoas não tem o que comer desde final de outubro, meu Deus…e querem voto!!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.