Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.4/5 - (22 votes)

Auxílio Brasil: Bolsonaro sanciona lei que remaneja recursos para o programa

Na noite desta quinta-feira (11), o Presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou a lei que remaneja R$ 9,3 bilhões do Bolsa Família para o Auxílio Brasil. A proposta enviada ao Congresso pelo Executivo havia sido aprovada durante a tarde por deputados e senadores. Além disso, também precisou ser sancionada a lei que cria o Auxílio Brasil.

“Com esta sanção, o estado brasileiro reitera seus esforços para garantir a oferta regular de serviços e programas voltados à população em geral, principalmente àquela mais vulnerável”, disse o Governo Federal, em nota.

O Programa Bolsa Família, criado a 18 anos durante o governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), foi extinto no dia 10 de novembro de 2021. Segundo especialistas, a aprovação da lei citada anteriormente é necessária para que o governo possa usar o dinheiro do extinto Bolsa Família no novo programa Auxilio Brasil.

De acordo com o governo federal, as principais mudanças do Auxílio Brasil são “centralidade da emancipação das famílias, a simplificação dos benefícios e a introdução de novas modalidades de benefícios, relacionados a esporte, pesquisa, primeira infância e inclusão produtiva rural e urbana”.

Como deve funcionar o pagamento do Auxílio Brasil

De acordo com o Ministério da Cidadania, os pagamentos do Auxílio Brasil terão início na próxima quarta-feira, 17 de novembro. O calendário de pagamento do novo programa do governo federal deve seguir as datas habituais do Bolsa Família. O decreto publicado na última sexta-feira (5) afirma que o novo auxílio terá um reajuste de 17,84%.

Além do reajuste citado anteriormente, o governo federal pretende ampliar o valor mínimo de R$ 400 aos beneficiários do programa entre dezembro de 2021 até o fim de 2022. Contudo, para que essa mudança ocorra de fato, é preciso que a PEC dos Precatórios seja aprovada.

A data estipulada para a ampliação do valor mínimo do programa tem chamado a atenção da oposição, que considera a proposta eleitoreira. Isso ocorre porque o aumento das parcelas pagas aos beneficiários só será ampliada durante o período eleitoral.

Como se cadastrar no novo programa do Governo Federal?

Para participar do novo programa Auxílio Brasil, bem como outros programas sociais do Governo Federal, é necessário estar inscrito no Cadastro Único. Apesar disso, o cadastro não garante que as famílias serão selecionadas para receber o benefício. Para isso é preciso atender todos os requisitos do programa e não existe um prazo estipulado para a concessão do benefício.

Segundo o Ministério da Cidadania, a seleção para o programa social acontece mensalmente e ao ser selecionada, as famílias recebem um comunicado oficial. Portanto, é preciso manter os dados no CadÚnico sempre atualizados.

O ministério responsável pelos projetos sociais do Governo Federal ainda informa que não atualizar os dados cadastrais registrados no CadÚnico por quatro anos pode levar a exclusão do registro e consequentemente o cancelamento do benefício. É possível atualizar os dados em um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), em postos de atendimento do CadÚnico, bem como do Bolsa Família, atual Auxílio Brasil.

3.4/5 - (22 votes)

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

8 Comentários
  1. Alcides Alonso Pereira Diz

    Estou desempregado vai fazer 1 ano e não Recebi porra nenhuma desse governo inútil até agora.

  2. Cintia Diz

    Acho injusto que, somente pessoas do bolsa família, recebam auxílio brasil, e os demais como ficam, já que nosso governo de merda, encerrou com as parcelas do auxílio emergencial. É lamentável tudo isso😔

  3. Marcelo zerneri Diz

    Eu tinha o auxílio emergêncial foi cortado não tenho renda me chamo MARCELO ZERNERI , não consigo me cadastrar no cadUnico estou passando por nessecidades sou operado da coluna e dos dois joelhos tenho artrose nós dois joelhos atraz ,perdi minha família e filhos tinha uma vida sempre trabalhei tenho laudo do neurologista pra não pegar 5 kilos o INSS não aceita minha aposentadoria tenho 50 anos estava apito no INSS de 2015 até 2021 e não recibo nem um centavo me mandarão um cartão pra receber maio ,junho,julho,agosto, até 4 de outubro ,me chamarão pra fazer uma perícia em São João da boa vista SP pra poder me dar Auta por isso perdi meu auxílio de 150,00 uma vergonha pra quem ganhava 1.760 reais cem correção sou evangélico faz 26 anos sempre trabalhei queria saber se poderia me ajudar não tenho como pagar no momento porque não consigo trabalhar tomo remédio fortes aí cai numa depressão profunda e síndrome do panico Tambem peço encarecidamente por uma ajuda tenho todos os papéis chapa ressonâncias estão recorrendo o INSS faz tempo por favor me ajude meu CPF 172 86705865 meu 26.936.468-7 moro com minha mãe de favor em andradas mg agradeço a sua atenção e espero um retorno meu celular de contato e 019-992248109 por favor preciso acertar meu nome sou muito transparente se puder me ajudar Deus vai ti abençoar e eu agradeço muito obrigado é nessecidades mesmo se me chamar no watts zap ti mando o número do processo e as chapas o que vc precisar muito obrigado e um excelente final de semana meu Marcelo zerneri 72@gmail.com . Muito obrigado fico no teu aguardo espero que o senhor toque em seu coração para me ajudar nesse poblema que é meu por direito obrigado novamente DEUS TE ABENÇOE GRANDEMENTE

  4. Marlon Pimentel Diz

    Muito bom

  5. Allan Joeb de Carvalho Diz

    Allan Oi estou aqui vida . Muito Obrigado pela notável energia positiva OK Gratidão A. J. Carvalho

  6. Gerci pereira da cruz Diz

    Presizo cadastrar no auxílio Brasil

  7. Eli marcos dos Santos Diz

    Não tenho palavra pra agradece fico muito feliz

  8. Julio Cesar Alves dos Santos Diz

    para que serve esse negócio

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.