Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Um breve panorama sobre a história da escrita

A história da escrita tem início há milhares de anos, quando o ser humano sentiu a necessidade de registrar os acontecimentos, principalmente no contexto das operações comerciais primitivas. Esse advento marcou o encerramento da Pré-História. De lá pra cá houve diversas formas de escrita que ao longo dos séculos foram evoluindo. Assim, essas formas deram origem à escrita que conhecemos atualmente. Veja agora um breve panorama dessa evolução. 

Primeiros registros de escrita

Pictogramas

Encontradas nas paredes das cavernas, essas transcrições não seguem uma forma padronizada de representação. As pinturas rupestres eram uma maneira de representar animais, objetos ou pessoas. Cada pessoa sinalizava o pretendia expressar de forma aleatória visto que não havia nenhum tipo de organização ou padrão já estabelecido. Por isso, muitas vezes a comunicação primitiva não era amplamente compreensível por todos. Além disso, com o passar do tempo, esses sinais deixavam de atender as necessidades de comunicação.

Escrita Cuneiforme

A escrita cuneiforme é um exemplo de escrita pictográfica, que se caracteriza por ser feita com objetos em formatos de cunha (instrumento de ângulo sólido e que serve para rachar lenha, fender pedras etc). Daí vem o nome. Esse tipo de escrita foi usada durante três mil anos por cerca de 15 línguas. São mais de 2000 símbolos, e a representação se dá da direita para a esquerda.

Escrita Hieroglífica

Usado pelos egípcios, esse modelo tem como base a escrita cuneiforme. No entanto, não se sabe com exatidão onde e quando essa escrita teria surgido. Na escrita hieroglífica os sinais ganharam uma representação fonográfica, ou seja, de uma letra ou até mesmo de palavras inteiras. É um formato complexo de escrita e geralmente tinha uso religioso. A partir deles, os egípcios desenvolveram outro tipo de escrita, a Hierática.

Glifos da América Central

Por fim, há ainda os registros encontrados na América Central. Os glifos são registros de escrita da civilização maia. A partir deles é possível retomar informações sobre guerras, casamentos e outros fatos históricos. Contudo, a escrita dos maias adotava o uso de um mesmo sinal para representar dois ou mais símbolos e sons, ou seja, não tinha um padrão simplificado.

E aí? Gostou do texto? Então deixe o seu comentário!

Veja Como citar de acordo com a ABNT.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.