Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

SP: Seletiva paralímpica dos jogos escolares 2021 acontece até o dia 15

Estudantes disputam em 12 modalidades esportivas

A seletiva paralímpica dos Jogos Escolares 2021 está marcada para acontecer até a próxima quarta-feira (15). Ao todo, são 282 atletas que estão participando das decisões em 12 modalidades esportivas.

Os participantes são estudantes com deficiência matriculados nas escolas estaduais de São Paulo. De acordo com a secretaria, o intuito do evento é fomentar os esportes entre a comunidade de alunos deficientes nas escolas do Estado.

A partir dos resultados dos jogos será formada a delegação de atletas para disputar de fato as Paralímpiadas Escolares, que ocorrem no próximo mês de novembro.

Modalidades

  • Atletismo (masculino e feminino)
  • Basquete em Cadeira de Rodas 3 X 3 (masculino)
  • Bocha Paralímpica (misto)
  • Futebol de 5 (Cegos) (masculino)
  • Futebol de 7 (masculino)
  • Goalball (masculino e feminino)
  • Judô (masculino e feminino)
  • Natação (masculino e feminino)
  • Parabadminton (misto)
  • Tênis em Cadeira de Rodas (misto)
  • Tênis de Mesa (masculino e feminino)
  • Voleibol Sentado (misto)

A seletiva paralímpica tem ação conjunta do Governo de São Paulo. As Secretarias de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Esportes, Educação, pelo Centro Paula Souza também atuam nesse projeto, que tem a execução pela Federação do Desporto Escolar do Estado de SP.

Cursos do MEC na área de esporte

Professores que atuam na área do esporte em escolas e demais instituições públicas têm uma chance de e capacitar gratuitamente. Tratam-se de oportunidades viabilizadas pelo MEC (Ministério da Educação), as quais têm objetivo de potencializar a carreira de educadores olímpicos e paralímpicos.

Os cursos, disponibilizados de forma online, não têm custo algum. Ademais, eles passam a valer a partir deste mês de março para educadores que trabalham nas mais diversas segmentações esportivas. Ou seja, podem ser professores de educação física da rede básica, por exemplo. Ou então coordenadores pedagógicos nesse âmbito, assistentes de professores, educadores adjuntos, etc.

De acordo com o MEC, há a pretensão com a iniciativa de fomentar as modalidades nas escolas da rede pública, promovendo os valores do esporte em toda a comunidade escolar.

Para se credenciar nos cursos, os educadores da área do esporte interessados devem acessar o portal do impulsiona.org.br e seguir os passos devidos.

Não deixe de ler também – São Paulo lança programa para combater a evasão escolar na rede municipal

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.