Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.5/5 - (2 votes)

Salário mínimo 2022: veja o novo valor

Por mais um ano, o salário mínimo 2022 não deve ter aumento real, o que significa que os valores fixados de reajuste devem apenas servir para cobrir a inflação. Ou seja, o brasileiro que recebe o salário mínimo deve apenas contar com reajuste e sem aumento no poder de compra.

Leia também: Saiba o que esperar para economia em 2022

Conforme publicado no Diário Oficial da União, o salário mínimo de 2022 deve ser de R$ 1.212. O valor foi estabelecido por meio da Medida Provisória nº 1.091 e está valendo desde o sábado (1º). Outros valores publicados são o valor diário de R$ 40,40, e o valor por hora que é de R$ 5,51.

Anteriormente o salário mínimo fixado era de R$ 1.100, ou seja, o “aumento” foi de R$ 112 – valor mínimo previsto em lei diante da significativa alta do  Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Os valores publicados pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) vão de encontro ao valor aprovado pelo Congresso em 21 de dezembro, levando em consideração uma previsão do INPC de 10,18%. O indicador deve ainda ter seu valor oficial divulgado.

O salário mínimo deve servir em 2022 de referência para 50 milhões de brasileiros, de acordo com dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), desse total, 24 milhões são segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Em outros governos, o aumento chegou a impactar de fato a renda do brasileiro. Excluindo o governo Bolsonaro e 2017 e 2018, o salário mínimo teve aumento real desde 2005. Em 2006, na gestão Lula, foi registrado o melhor aumento com 13,04% além da inflação.

Valor ideal do salário mínimo

O Dieese também avalia mensalmente qual o salário ideal diante do custo da cesta básica e outros essenciais (como moradia, saúde, energia elétrica, entre outros) pelo cálculo de novembro esta valor deveria ser de R$ 5.969,17.

Outros números também são divulgados, como o número de horas trabalhadas necessárias para comprar uma cesta básica – que em novembro, para quem recebe o mínimo, foi de 119 horas e 58 minutos, comprometendo cerca de 58,95% do salário mínimo apenas com alimentação.

O valor leva em consideração uma família de dois adultos e duas crianças. As avaliações do departamento também dão conta que a alta desde o início da pandemia a alta do mínimo ideal já foi de 30%.

Com um valor de R$ 1,2 mil atuais o salário mínimo está bem longe de atingir os quase R$ 6 mil previstos pelo Dieese e a perspectiva é que os valores não se igualem tão cedo.

 

3.5/5 - (2 votes)
1 comentário
  1. Maria Francisca Ribeiro Diz

    E muito bom

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.