Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (1 vote)

Planejamento financeiro: poupança, reserva de emergência e metas pessoais 

Elabore um planejamento financeiro e considere uma poupança, reserva de emergência e suas metas pessoais. Veja dicas relevantes!

O planejamento financeiro pessoal requer estratégias diversas e direcionadas para que você consiga alcançar seus objetivos e elaborar uma poupança a caráter de reserva de emergência.

Planejamento financeiro: poupança, reserva de emergência e metas pessoais 

Sendo assim, para que você alcance seus objetivos pessoais você deve ter clareza sobre quais são as suas metas. Por isso, é importante que separe os custos fixos de seus custos variáveis e direcione suas metas, considerando o curto, médio e longo prazo.

 Além disso, também é importante que você controle a sua rotina, de modo que você entenda seus hábitos de consumo. Isso porque muitas pessoas que não planejam suas finanças gastam valores baixos na sua rotina, porém, esses pequenos gastos acabam por impedir a viabilização de uma poupança

Faça controles de rotina

No entanto, esse controle pode ser feito de forma bastante simplificada. Basta que você separe os seus custos fixos de seus custos variáveis e consiga direcionar valores para a sua poupança, ainda que sejam valores irrisórios. Dessa forma, sugerimos que você faça trocas que sejam financeiramente viáveis dentro da sua rotina.

Trocas viáveis financeiramente

 No entanto, não precisa realizar nenhum tipo de troca radical, é possível que você troque um cartão de crédito tarifado por uma opção de cartão de crédito sem anuidade, ao passo que também pode realizar esse mesmo tipo de troca no que diz respeito a sua conta bancária.

Além disso, você também pode realizar outras trocas pertinentes à rotina. Dessa forma, você deve direcionar os valores economizados para a sua poupança, viabilizando assim uma reserva de emergência.

Posteriormente, você poderá direcionar os valores economizados para seus objetivos, considerando um prazo maior.

Adquira novos hábitos financeiramente saudáveis

Entretanto, não se preocupe com valores, ao menos no começo do seu planejamento. Sendo assim, é importante que você adquira novos hábitos financeiramente saudáveis e que sejam sustentáveis.

Por isso, ao modificar seus hábitos, você irá adquirir uma maneira orgânica de direcionar suas metas pessoais. Assim sendo, com o passar do tempo, você poderá fazer uso de metodologias específicas, como a metodologia do pote, por exemplo.

Foque em seus hábitos e controle a sua rotina

Entretanto, ao focar em seus hábitos e ao controlar a sua rotina, você irá modificar a sua relação com o seu dinheiro; o que será de grande valia para esse planejamento e para o seu futuro. Por isso, faça o seu planejamento de maneira direcionada e insista no seu processo, ainda que precise reconsiderar suas metas e ajustar suas ações.

5/5 - (1 vote)

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.