Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

PIX terá função estorno para casos de fraude

O Banco Central do Brasil (BC) tem anunciado diversas novas funcionalidades para o PIX que devem surgir em um futuro próximo, conforme a evolução da ferramenta tenha uma continuidade em sua agenda. Uma das novidades que pode ser implementada em breve é a possibilidade de o Banco Central permitir a devolução do dinheiro de forma rápida em caso de fraude no PIX.

A devolução seria realizada não só em casos de suspeita de fraude, mas também em possíveis falhas operacionais na hora do envio, seja de quem está recebendo, como também de quem está enviando. Essa é uma evolução que tende a acontecer a partir do quarto trimestre de 2021.

Com essa nova funcionalidade do PIX, os usuários terão uma chance extra de recuperar seu dinheiro que estiverem na mão de golpistas. Bem como conseguir o ressarcimento em casos de eventuais erros que possam acontecer durante essas operações.

É importante dizer que algumas pessoas mal intencionadas estão se aproveitando da tecnologia para a prática de crimes e isso tem crescido durante esse ano de 2021, principalmente quando se trata do uso de engenharia social.

PIX vai trazer novidades em breve

Outra medida adotada pelo Banco Central para evitar esse tipo de problema é a possibilidade do usuário escolher o limite diário que pretende transferir ou realizar pagamentos via PIX.

Importante dizer que essa definição de limite diário pode ser realizada direto nos aplicativos de bancos, desde que seja para um valor menor que o anterior. Se for pra aumentar o limite, o banco precisará fazer uma avaliação antes de autorizar o novo valor.

Além disso, outras novidades surgirão no PIX através do Banco Central, de modo que a função se torne ainda mais segura para utilizar no dia-a-dia e que mais pessoas possam juntar-se ao sistema de pagamentos instantâneos, embora o sucesso dele tem sido inquestionável desde que foi criado há cerca de 5 meses.

Só para se ter uma ideia, desde o mês de novembro de 2020 até março de 2021, o volume de operações por mês alcançou a marca dos 393,6 milhões no final do período, o que representa um avanço de mais de 1000% em relação a novembro, quando esse volume era de 33,5 milhões.

Saiba mais sobre o PIX

Sem dúvidas o PIX acabou caindo nas graças do brasileiro e fez com que o país tivesse um avanço no número de pagamentos e transferências em tempo real, de modo que ultrapasse os EUA no volume total registrado em 2020.

Apesar do corte do orçamento para o Banco Central, o mesmo garantiu que o PIX continuará em pleno funcionamento e com sua agenda evolutiva a todo vapor. Uma das novidades ainda para o final do primeiro semestre de 2021 será o saque PIX.

A nova funcionalidade do PIX agora traz a possibilidade de tirar a concentração do serviço de saque dos bancos tradicionais e lotéricas. De modo que será possível realizar um saque no estabelecimento comercial sem que a operação tenha ou não um vínculo a uma conta. Além de existir a chance de sacar e comprar um produto na loja ao mesmo tempo.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.